22:20 20 Agosto 2019
Ouvir Rádio
    Самолет Ту-154 в воздухе

    Avião militar russo com 84 passageiros e 8 tripulantes a bordo cai no mar Negro

    © Sputnik / Sergei Soloviev
    Rússia
    URL curta
    Acidente aéreo do Tu-154 no mar Negro (31)
    67220

    Neste domingo (25) de manhã, um avião Tu-154 do Ministério da Defesa russo caiu no mar Negro, a 1,5 km de distância da zona costeira. 92 pessoas estavam a bordo (84 passageiros e 8 membros da tripulação).

    Destroços do avião foram encontrados a 1,5 km da costa do mar Negro na profundidade de 50-70 metros, segundo informou o Ministério da Defesa da Rússia.

    A Sputnik está acompanhando o desenvolvimento da situação ao vivo.

    Ordenar as mensagens
    • 14:08

      A Sputnik está terminando nossa transmissão em direto

      Por enquanto, estas são todas as informações conhecidas até agora. A operação de busca e resgate continuará toda a noite.

      Acompanhe as atualizações em nosso site para receber mais notícias sobre o acidente.

      Barcos de resgate no local do acidente do Tu-154

      Acidente aéreo do Tu-154 no mar Negro

      Mostrar mais
      Pessoas depõem flores junto à sede do Ensemble Aleksandrov, em Moscou, após o acidente com o Tu-154 russo
      © Sputnik / Vitaly Belousov
    • 14:06

      Para poder continuar a operação de noite, equipes de resgate vão colocar torres de iluminação no mar

      Um representante do serviço local de emergência e resgate Kuban-Spas, comunicou que os especialistas colocarão equipamentos de iluminação no mar Negro para possibilitar as buscas na escuridão, frisando que a equipe já partiu em direção a Sochi.

      A fonte adiantou que tais torres permitem iluminar cerca de 40 km do território em volta do local. O número exato destes equipamentos e dos especialistas envolvidos será divulgado após a reunião de emergência da comissão especial criada para investigar o caso.

      A operação de busca e resgate no mar Negro após o trágico acidente com o Tu-154 russo
      © Sputnik / Nina Zotina
    • 13:32

      Ministro dos Transportes reitera que não há informações sobre sobreviventes

      O ministro dos Transportes, Maksim Sokolov, que encabeçou a comissão de inquérito do acidente com o Tu-154, comunicou que, até agora, as autoridades não receberam nenhuma informação quanto a possíveis sobreviventes.

      Ele também adiantou que a operação de resgate no local do acidente é coordenada pelo Ministério para Situações de Emergência russo.

      Os cidadãos de Moscou depõem flores perto ao maior centro de TV, Ostankino, ao homenagear as vítimas do acidente aéreo com o Tu-54
      © Sputnik / Maksim Blinov
    • 13:12

      Vladimir Putin se dirige aos jornalistas no rescaldo do acidente

      O presidente russo se pronuncia pela primeira vez sobre o trágico acidente com o avião Tu-26 e expressa seu pesar às famílias das vítimas.

      Vladimir Putin, presidente russo, com Nursultan Nazarbaev, presidente do Cazaquistão, expressam condolências pelo acidente aéreo do Tu-154

      Vladimir Putin expressa condolências pelo acidente aéreo do Tu-154 (VÍDEO)

      Vladimir Putin expressou suas mais profundas condolências às famílias das vítimas no acidente com o Tu-154.
      Mostrar mais
    • 13:08

      Copiloto do Tu-154 tinha conseguido aterrissar aeronave ‘em situação desesperada’ em 2011

      "A tripulação que estava a bordo era experiente. O copiloto era o mesmo que conseguiu tirar o 563 [número de bordo é RA-85563] do inferno", diz um usuário do portal Forumavia.

      Em 2011, foi divulgada uma gravação de um voo no espaço aéreo do aeródromo de Chkalovsky (de onde partiu o Tu-154) de uma aeronave que saiu fora de controle da tripulação. O avião estava balançando de um lado para o outro.

      Entretanto, os pilotos conseguiram lidar com a situação, que parecia desesperada.

    • 12:23

      Ministro dos Transportes russo, Maksim Sokolov, chega a Sochi para participar de reunião de emergência

      O ministro acaba de chegar à cidade, onde estão concentradas as operações de busca e resgate, para organizar uma reunião de emergência de uma comissão especial na sequência do trágico acidente com o Tu-154 russo e prestar assistência aos familiares das vítimas, comunica a RIA Novosti.

      Mais sedo, foi comunicado que o ministro dos Transportes iria encabeçar tal comissão.

    • 12:13

      Ao longo desta manhã, verificaram-se muitos casos em que os usuários ucranianos expressam sua satisfação e até alegria pelo trágico acidente

      O presidente da Comissão dos Assuntos Externos do Parlamento russo, Aleksei Pushkov, expressou sua indignação com o fato.

      As pessoas depõem flores à sede do Ensemble Aleksandrov em homenagem às vítimas do Tu-154

      Senador russo condena 'festa' nas redes sociais ucranianas após trágico acidente

      Ao longo desta manhã, verificaram-se muitos casos em que os usuários ucranianos expressam sua satisfação e até alegria pelo trágico acidente.
      Mostrar mais
    • 11:13

      Merkel e Steinmeier transmitem pesar pela tragédia na Rússia

      A chanceler alemã, Angela Merkel, e o ministro das Relações Exteriores do país, Walter Steinmeier, expressaram suas condolências após o acidente trágico envolvendo um avião Tu-154 russo.

      Angela Merkel e Frank-Walter Steinmeier
      © AFP 2019 / John MacDougall
    • 10:59

      Presidente da Síria, Bashar Assad, envia telegrama a Vladimir Putin

      O presidente sírio enviou uma carta ao presidente russo, Vladimir Putin, na sequência da tragédia.

      "Foi com grande pesar que recebemos a notícia sobre a queda do avião russo Tu-154, que transportava nossos queridos amigos que queriam partilhar conosco e com os habitantes de Aleppo a alegria da vitória e dos feriados", escreveu Assad, citado pela agência SANA.

      O presidente da Síria, Bashar Assad, dá entrevista ao diretor da agência internacional de notícias Rossiya Segodnya, Dmitry Kiselev, 30 de março de 2016
      © Sputnik / Serviço de imprensa do presidente da Síria Bashar Assad
    • 10:36

      Editora-chefe de Sputnik expressa seu pesar

      A editora-chefe da agência de notícias internacional Rossiya Segodnya, Sputnik e do canal de TV Russia Today, Margarita Simonyan, expressou suas condolências na sequência do acidente aéreo do Tu-154 no mar Negro, tendo postado uma mensagem de apoio no seu Twitter.

      "Estamos de luto junto com as suas famílias! Não há palavras."

      Margarita Simonyan, redacEditora-chefe da agência de notícias Sputnik, Margarita Simonyan
      © Sputnik / Iliia Pytalev
    • 10:22

      As buscas intensificam-se

      Mais de 3 mil homens, 27 navios, 37 mergulhadores, 4 helicópteros, drones e veículos de submersão profunda participam das operações de busca e resgate, comunicou o Ministério da Defesa russo.

    • 10:02

      Número de corpos encontrados sobe para 10

      Mais cedo, foi comunicado sobre 7 corpos resgatados. Até agora, os mergulhadores conseguiram encontrar mais 3 vítimas.

    • 09:54

      Alto funcionário do Ministério da Defesa está entre as vítimas

      Anton Gubankov, diretor do Departamento da Cultura do Ministério da Defesa russo, também estava a bordo do Tu-154.

      Anton Gubankov, diretor do Departamento da Cultura do Ministério da Defesa russo, também estava a bordo do Tu-154.
      © Sputnik / Aleksandr Natruskin
    • 09:47

      Deputado: missão humanitária na Síria deve continuar em homenagem à Doutora Liza

      O deputado da Duma de Estado Sergei Gavrilov afirmou que a ajuda humanitária que a Rússia está prestando à Síria não pode parar.

      "Quero expressar minha esperança de que as missões humanitárias russas em Donbass e na Síria continuem após estes acontecimentos, tínhamos planos conjuntos sobre o aumento da assistência com a fundação, era isso que Elizaveta Glinka queria", frisou.

      Trata-se da fundação filantrópica Spravedlivaya Pomosch (Ajuda Justa) chefiada pela Doutora Liza, que é uma das maiores na Rússia.

      "Acho que nossos ativistas de direitos humanos são verdadeiros filantropos, especialmente Elizaveta Glinka. Tenho muita pena dela. Ela foi um exemplo de honestidade, misericórdia cristã e bondade", adiantou.

      A diretora do fundo filantrópico Spravedlivaya Pomosch, Elizaveta Glinka (Doutora Liza)
      © Sputnik / Ramil Sitdikov
    • 09:33

      Pessoas continuam chegando para depor flores em homenagem às vítimas

      Neste vídeo, vê-se a entrada da sede do Ensamble Aleksandrov, cujos 63 músicos estavam a bordo do avião acidentado, e as pessoas que chegam para depor flores em homenagem das vítimas.

    • 09:12

      Vladimir Putin anunciou um dia de luto nacional na segunda-feira (26 de dezembro).

      O presidente também prometeu que as causas do acidente serão escrupulosamente investigadas e que as autoridades farão todo o possível para ajudar as famílias das vítimas.

      As pessoas estão depondo flores junto à sede do Ensamble Aleksandrov
      © Sputnik / Vitaly Belousov
    • 09:01

      Representante oficial da chancelaria russa, Maria Zakharova, comenta o acontecido

      "Minhas condolências a todos. É uma perda irreparável para todos, por eles serem insubstituíveis."

      Entrevista coletiva da representante oficial da chancelaria russa Maria Zakharova
      © Sputnik / Kirill Kallinikov
    • 08:43

      A situação no aeroporto de Sochi está calma

      O aeroporto de Sochi (de onde partiu a aeronave) está funcionando em regime normal, as aterrissagens e decolagens se efetuam normalmente, informa o correspondente da agência russa RIA Novosti.

      Até agora, não foi organizado um local para deposição de flores no aeroporto. Não há aglomerações de pessoas no edifício, de vez em quando os passageiros entram e colocam velas em homenagem às vítimas.

      Os passageiros do aeroporto em Sochi observam a operação de resgate
      © Sputnik / Nina Zotina
    • 08:34

      Operação de resgate continua

      De hora a hora, o ministro da Defesa russo recebe relatórios sobre o desenvolvimento das operações no local do acidente, que envolvem diversos helicópteros e navios.

      Helicóptero Mi-8 atuando durante as operações de resgate no local do acidente com o avião russo Tu-154 em Sochi, em 25 de dezembro de 2016
      © Sputnik / Nina Zotina
    • 08:22

      Novas informações sobre as vítimas do acidente

      Um grupo de jovens bailarinas russas - Ralina Gilmanova, Liliya Pyrieva, Daria Trofimova e Maria Klokotova - também estava viajando para Latakia.

    • 08:16

      De acordo com a agência RIA Novosti, até ao momento foram encontrados 7 corpos no local do acidente

      Operação de resgate no local do acidente com o avião russo Tu-154, em Sochi, em 25 de dezembro de 2016
      © Sputnik / Nina Zotina
    • 08:11

      Medvedev: 'Prestaremos assistência a todos afetados pela tragédia do Tu-154'

      O premiê russo expressou seu pesar às famílias, amigos e colegas das vítimas do acidente.

      "Esta tragédia terrível levou as vidas de pessoas repletas de forças e planos. Entre os que morreram estão jornalistas, militares e os músicos do conhecido Ensamble Aleksandrov. Eles foram para a Síria com uma missão de bondade e paz. É impossível aceitar esta perda, ela é irreparável. Hoje, milhões de pessoas partilham a mesma dor", disse.

      Dmitry Medvedev. Foto de arquivo
      © Sputnik / Aleksei Nikolsky
    • 07:50

      Ministério da Defesa desmente a informação recente e diz que 92 passageiros estavam a bordo

      O representante do Ministério adianta que o local do acidente foi identificado e que, até agora, não foi encontrado nenhum sobrevivente.

      Major General Igor Konashenkov, porta-voz do Ministério da Defesa da Rússia
      © Foto : Russian Defense Ministry
    • 07:49

      Ministério da Defesa russo comunica que 4 corpos já foram resgatados e levados a bordo de um navio que se encontra no local

      Comunica-se também que o ministro da Defesa russo, Sergei Shoigu, lidera pessoalmente a operação de resgate diretamente do centro operacional do Ministério.

      Barcos de resgate no local do acidente do Tu-154
      © Sputnik / Nina Zotina
    • 07:28

      Comunica-se que a bordo do avião estavam 93 pessoas

      Ao contrário daquilo que foi comunicado, sabe-se agora que estavam 93 pessoas a bordo do Tu-154, diz o Ministério da Defesa russo.

      Avião Tu-154
      © Sputnik / Mikhail Melnichuk
    • 07:23

      Pessoas estão depondo flores junto à sede do Ensamble Aleksandrov

      As pessoas estão depondo flores junto à sede do Ensamble Aleksandrov
      © Sputnik / Vitaly Belousov

      O Ensemble Aleksandrov é um cartão de visita da cultura russa, um das suas 'marcas'. A morte dos músicos neste acidente é uma injustiça terrível, diz à RIA Novosti um eminente pianista russo, Denis Matsuev.

    • 07:23

      ‘Não temos certeza se voltaremos da Síria vivos’, foi esta a profecia trágica que a Doutora Liza fez no início de dezembro

      No início de dezembro o presidente russo, Vladimir Putin, condecorou Elizaveta Glinka com o prêmio por sua atividade em prol dos direitos humanos. Durante o evento, a famosa Doutora Liza disse:

      “Amanhã eu vou a Donetsk e depois para a Síria, tal como os outros voluntários. E não temos certeza se voltaremos. Porque a guerra é um inferno na Terra. E eu sei do que estou falando.”

      Presidente da Rússia, Vladimir Putin, condecora a médica e filantropa russa Elizaveta Glinka pela sua contribuição para a atividade filantrópica e defesa dos direitos humanos, 8 de dezembro de 2016
      © Sputnik / Aleksei Nikolsky
    • 06:58

      Putin ordena ao premiê russo encabeçar a Comissão Estatal para investigar a tragédia

      O presidente russo, Vladimir Putin, pediu ao primeiro-ministro, Dmitry Medvedev, para formar e liderar uma comissão destinada a investigar o acidente do avião Tu-154 em Sochi, no mar Negro.

      Primeiro-ministro russo Dmitry Medvedev
      © Sputnik / Dmitry Astakhov
    • 06:57

      Presidente russo expressa condolências

      Vladimir Putin expressou suas mais profundas condolências às famílias das vítimas no acidente com o Tu-154, disse o porta-voz do líder russo.

      O presidente da Rússia, Vladimir Putin, participa de um almoço de trabalho com Shinzo Abe, primeiro-ministro do Japão (não retratado) em Tóquio em 16 de dezembro de 2016.
      © AFP 2019 / Tomohiro Ohsumi
    • 06:46

      Primeiro vídeo da operação de resgate no mar Negro

    • 06:41

      Tu-154 era dirigido por um piloto experiente com mais de 3 mil horas de voo

      O avião acidentado fora produzido em 1983 e tinha 6689 horas de voo, comunicou o Ministério da Defesa. A última reparação havia sido efetuada em dezembro de 2014.

    • 06:27

      A bordo do avião estavam 64 artistas do famoso Ensemble Aleksandrov

      O Ensemble Aleksandrov é o coro militar oficial das Forças Armadas russas, fundado ainda nos tempos soviéticos. O Ensemble consiste de coro masculino, orquestra e conjunto de dança.

      O coro é conhecido não só na Rússia mas também por todo o mundo e interpreta muitas peças da música folclórica russa, hinos, árias de opera e música popular.

    • 06:09

      Fotos dos helicópteros e aviões que estão efetuando buscas no mar Negro

      O Ministério das Situações de Emergência planeja aumentar o número de navios de resgate de 6 a 9.

      Helicóptero Ka-32 realiza operação de busca sobre mar Negro
      © Sputnik / Nina Zotina
      Navios realizam operação de busca no mar Negro
      © Sputnik / Nina Zotina

      "Por enquanto, 4 navios, 5 helicópteros e vários drones estão em ação no local do acidente. Estamos aumentando e intensificando as forças", disse o representante do Ministério da Defesa russo, Igor Konashenkov.

      Um grupo de juízes de instrução e criminalistas do Comitê de Inquérito russo também partiu para o local.

    • 05:59

      Famosa médica russa estava a bordo do Tu-154

      Elizaveta Glinka, famosa médica e filantropa russa, conhecida como "Doutora Liza", estava a bordo de Tu-154, confirmou o Ministério da Defesa da Rússia.

    • 05:58

      De acordo com uma fonte nos serviços de segurança, o avião caiu no mar 7 minutos após a decolagem

    • 05:56

      Porta-voz do presidente russo acaba de comunicar as últimas informações aos jornalistas

      Um helicóptero Ka-82 está conduzindo buscas no espaço aéreo sobre o local do acidente. Dois helicópteros de resgate Mi-8 já estão prontos a partir rumo a mar Negro. Além disso, nas buscas no mar estão envolvidos 7 navios.

    • 05:46

      Última foto de um passageiro antes da decolagem

    • 05:42

      Divulgadas as fotos dos jornalistas que estavam a bordo

      Além do grupo de músicos que planejava felicitar os militares russos na Síria, a bordo estavam os jornalistas dos principais canais de TV, tais como o Pervy (Primeiro Canal em russo).

      A assessoria de imprensa do canal já comunicou os nomes dos jornalistas que seguiam no avião : o correspondente Dmitry Runkov, o operador Vadim Denisov e o operador de som Aleksandr Soydov.

    • 05:36

      Corpo de uma vítima foi encontrado

      Foi encontrado um corpo a 6 km da costa na zona de Sochi. O corpo foi levado a bordo do navio de resgate.

    • 05:34

      Putin mantém contato permanente com o Ministério da Defesa

      O porta-voz do presidente russo, Dmitry Peskov, afirmou que o líder russo está em permanente contato com as forças de segurança e acompanha o trabalho dos bombeiros. Ele também adiantou que o ministro da Defesa russo, Sergei Shoigu, está em contato com o presidente por telefone.

    • 05:29

      Cenário do atentado é impossível, diz um oficial

      O presidente do comitê do Conselho da Federação para a defesa e segurança, Viktor Ozerov, afirma que não há nenhuma hipótese de ter sido um atentado, apontando para uma falha técnica ou erro de pilotagem como causas do acidente.

      "Eu nem considero a hipótese de um atentado. É um avião do Ministério da Defesa, estava no espaço aéreo da Federação da Rússia, tal cenário não é possível ", afirmou Ozerov.

      Tupolev Tu-154

      Avião desaparecido russo caiu no mar Negro

      Um avião Tu-154 do Ministério da Defesa russo caiu no mar Negro, a 1,5 km de distância da zona costeira, com 92 pessoas a bordo (84 passageiros e 8 membros da tripulação), diz uma fonte nas forças de segurança russas.
      Mostrar mais
    Ao vivo
    Avião militar russo com 84 passageiros e 8 tripulantes a bordo cai no mar Negro
    +
    Tema:
    Acidente aéreo do Tu-154 no mar Negro (31)

    Mais:

    Avião militar russo com 92 passageiros a bordo desaparece dos radares
    Avião desaparecido russo caiu no mar Negro
    Tags:
    acidente aéreo, Tu-154, Ministério da Defesa (Rússia), Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar