05:53 24 Agosto 2019
Ouvir Rádio
    Varvara Karaulova (Aleksandra Ivanova) durante a sessão no trinbunal em Moscou, Rússia, 22 de dezembro de 2016

    Jovem russa é condenada a 4,5 anos de colônia penal por se juntar ao Daesh

    © Sputnik / Kirill Kallinikov
    Rússia
    URL curta
    10110

    O tribunal militar de Moscou condenou na quinta-feira (22) a ex-estudante da Universidade Estatal de Moscou Aleksandra Ivanova (Varvara Karaulova) a 4,5 anos de colônia penal, informou a agência RIA Novosti.

    Varvara Karaulova, que mais tarde alterou o nome para Aleksandra Ivanova, foi detida em outubro de 2015 por tentativa de se juntar ao Daesh. Karaulova viajou de forma clandestina sem informar os seus familiares para Istambul onde foi detida com o grupo de russos que alegadamente queria atravessar a fronteira e se dirigir para a Síria.

    A acusação havia pedido cinco anos de colônia penal e uma multa de 150 mil rublos. Os advogados insistiam na absolvição.

    A sentença ainda não entrou em vigor e pode ser alvo de recurso no prazo de 10 dias.

    A antiga estudante lamenta os seus atos, mas lembrou que nunca quis combater ao lado do Daesh ou organizar atentados, apenas queria se juntar ao homem amado para casar com ele.

    Entretanto, o advogado Ilya Novikov informou que vai apelar da decisão do tribunal até o 1º de janeiro.

    Mais:

    Daesh assume autoria pelo atentado com caminhão em Berlim
    Daesh tenta promover morte 'bacana' de refugiados que sofrem crise de identidade
    Cabecilha do Daesh eliminado perto de Palmira, diz a mídia
    Tags:
    amor, estudante, sentença, acusação, prisão, Daesh, Síria, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar