04:36 02 Dezembro 2020
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    11164
    Nos siga no

    O assassinato do embaixador russo na Turquia, Andrei Karlov, foi organizado por forças fora da Turquia, afirma Aleksei Fenenko, especialista do Conselho Russo para Assuntos Internacionais e colaborador do Instituto de Problemas de Segurança Internacional da Academia de Ciências da Rússia.

    Segundo Fenenko, se trata de uma tentativa de minar as relações entre a Rússia e a Turquia. 

    "Esta já é a quarta tentativa nos últimos dois anos de fazer colidir a Rússia e a Turquia. Havia uma primeira variante, o jogo para desestabilizar mais a situação interna na Turquia, ou uma segunda variante – fazer colidir a Rússia e a Turquia e privar a Rússia de saída para o mar Mediterrâneo", disse Fenenko à Sputnik.

    Na opinião do especialista, algumas forças querem pôr a Rússia contra a Turquia. "Primeiro, isso pode ser vantajoso para os grupos islamistas das monarquias do Golfo Pérsico, que querem fazer a Rússia e a Turquia entrar em choque e envolver Ancara em um grande conflito com a Rússia", disse.

    "Isso também pode ser vantajoso para alguns círculos no Ocidente, que por muito tempo pensam que a Rússia está desempenhando um papel demasiado grande no Mediterrâneo e que ela deve ser afastada da região. Isso só pode ser feito através de um conflito com a Turquia e do fechamento dos estreitos de Bósforo e Dardanelos", acrescentou Fenenko.

    O atentado contra o embaixador russo na Turquia Andrei Karlov ocorreu na segunda-feira (19) durante a cerimônia de abertura de uma exposição. No evento, o criminoso atirou vários tiros nas costas do embaixador russo, que não sobreviveu. Segundo testemunhas, o atacante entrou na sala vestido de terno e gravata e foi tomado pelo guarda-costas de Karlov. Em resultado da operação policial, o criminoso foi eliminado. A chancelaria russa avaliou o acontecido como um atentado terrorista.

    Mais:

    Libertação de Aleppo poderia ter provocado o assassinato do embaixador russo na Turquia
    Fotógrafo que fez imagens do assassino do embaixador russo revela detalhes do ocorrido
    Grupo de investigação russo chega à Turquia para investigar assassinato do embaixador
    EUA fecham missões diplomáticas na Turquia após embaixador russo ter sido assassinado
    Tags:
    diplomata, embaixador, assassinato, Ocidente, Turquia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar