13:56 19 Agosto 2017
Ouvir Rádio
    Retratos de tenente coronel Oleg Peshkov e mariner Alexander Pozynich, que foram mortos na Síria

    Viúva do piloto russo morto na Síria disposta a aceitar desculpas do chanceler turco

    © Sputnik/ Alexander Vilf
    Rússia
    URL curta
    454911

    A viúva de Oleg Peshkov, piloto do Su-24 abatido na Síria, declarou em uma transmissão do canal russo Rossiiya 24 que está pronta para se encontrar com o ministro do Exterior turco Mevlut Cavusoglu.

    Na véspera, o chanceler turco expressou a vontade de pedir desculpa pessoalmente à viúva e pagar a compensação.

    "Por mais que difícil que este encontro seja, nós iremos, iremos a Moscou", disse Gelena Peshkova.

    Em 24 de novembro, um jato da Força Aeroespacial da Rússia foi derrubado por um caça turco, em espaço aéreo sírio, quando participava de uma operação contra terroristas na Síria. O incidente provocou forte tensão entre os dois países, com trocas de acusações e rompimento de parcerias. Só no mês passado o presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, se desculpou pela tragédia, que teve como consequência a morte de um dos militares russos a bordo. Em carta endereçada ao líder russo, Vladimir Putin, na ocasião, Erdogan confirmou a abertura de um processo contra um suspeito de envolvimento na derrubada do Su-24.

    Mais:

    Turquia alega que derrubada do Su-24 russo foi decisão do piloto
    Zakharova: Rússia apela à Turquia para que busque perpetradores que mataram piloto russo
    Turquia absolve assassino do piloto do Su-24 abatido
    Tags:
    abatido, Su-24, Oleg Peshkov, Turquia, Síria, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik