01:12 02 Dezembro 2020
Ouvir Rádio
    Rússia
    URL curta
    272
    Nos siga no

    Os aviões militares das Forças Aeroespaciais Russas não violaram o espaço aéreo da Estônia e conduziram voos sobre águas neutras sobre o Báltico, em conformidade com as regras internacionais, segundo declarou o porta-voz do Ministério da Defesa russo nesta terça-feira (6).

    "Não houve violação do espaço aéreo estoniano por aeronaves das Forças Aeroespaciais Russas na área da ilha de Vaindloo [ponto mais ao norte da Estônia, no Golfo da Finlândia]", afirmou o major-general Igor Konashenkov.

    O oficial russo estava respondendo a acusações feitas pelo país báltico a respeito de aviões de transporte militar An-72 da Rússia que supostamente teriam entrado no espaço aéreo da Estônia na segunda-feira (6).

    "As aeronaves das Forças Aeroespaciais Russas conduzem voos regulares planejados sobre o Mar Báltico. No entanto, suas rotas de voo vão em estrita conformidade com as normas internacionais sobre o uso do espaço aéreo sobre águas neutras", salientou Konashenkov.

    Mais:

    Estônia já não precisa de aviões militares oferecidos pelos EUA
    EUA deslocam 8 aviões de assalto A-10 Thunderbolt à Estônia
    OTAN defende Estados Bálticos de 'inimigo imaginário' em exercícios na Estônia
    Polônia intercepta avião russo em seu espaço aéreo
    Rússia nega alegações da Bulgária sobre supostas violações do espaço aéreo da OTAN
    Tags:
    aeronave, avião, águas neutras, espaço aéreo, invasão, An-72, Ministério da Defesa, Igor Konashenkov, Vaindloo, Mar Báltico, Estônia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar