10:11 18 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Bombardeiro russo de longo alcance Tu-22M3

    6 bombardeiros russos Tu-22M3 atacam Daesh perto de Raqqa

    © flickr.com/ Dmitry Terekhov
    Rússia
    URL curta
    24330

    Seis bombardeiros russos de longo alcance Tu-22M3 partiram da Rússia nesta quinta-feira (11) e atacaram posições do grupo terrorista Daesh nas regiões a sudeste, norte e noroeste de Raqqaa na Síria, informou o serviço de informações do Ministério da Defesa da Rússia.

    "Em 11 de agosto de 2016, seis bombardeiros de longo alcance Tu-22M3 descolaram do aeródromo onde estavam posicionados na Federação da Rússia e realizaram um ataque intenso <…>  contra posições do grupo terrorista Daesh (proibido na Rússia) nas regiões a sudeste, norte e noroeste da cidade de Raqqa", diz-se na mensagem.

    Destaca-se que foi eliminado um grande armazém com armas, munições e combustíveis perto de Raqqa, uma usina de produção de munições químicas no noroeste da cidade e um grande campo de treinamento de militantes do Daesh. Os grupos terroristas sofreram grandes danos e baixas.

    "Os bombardeiros foram apoiados por aviões Su-30SM e Su-35S, a partir do aeródromo de Hmeymim. Depois de completar a missão militar com sucesso, todos os aviões russos retornaram para os seus aeródromos de posicionamento", disse o Ministério da Defesa russo.

    A Rússia iniciou em 30 de setembro de 2015, a pedido do presidente sírio Bashar Assad,ataques contra alvos do grupo terrorista Daesh e a Frente al-Nusra. Durante o período em que a Rússia atuou em conjunto com a Síria para combater o terrorismo no país, já foram eliminados 28 dos 80 mil extremistas que se presume combaterem no país.

    Tags:
    posições, munição, bombardeiros, aviões, terroristas, luta, ataque, Raqqa, Síria, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar