14:06 18 Junho 2018
Ouvir Rádio
    Líder russo Vladimir Putin e presidente turco Recep Tayyip Erdogan antes da reunião bilateral em São Petersburgo, Rússia, 9 de agosto de 2016

    Putin e Erdogan realizam entrevista coletiva após encontro bilateral (VÍDEO)

    © Sputnik / Aleksei Nikolsky
    Rússia
    URL curta
    10213

    O presidente russo Vladimir Putin e o líder da Turquia Recep Tayyip Erdogan realizam entrevista coletiva depois da reunião bilateral em São Petersburgo.

    O presidente russo afirmou que os dois países têm oportunidades para restaurar e reforçar as relações bilaterais.

    Além disso, o presidente russo disse que a Rússia tenciona levantar as restrições impostas a empresas turcas e trabalhar a sério para reanimar os laços econômicos entre os dois países.

    "Este encontro tem uma grande importância para o destino das relações russo-turcas. A conversa foi substancial e construtiva sobre todas as áreas das relações bilaterais, bem como sobre a agenda internacional", afirmou Putin.

    Os dois presidentes confirmaram que serão reiniciados os projetos de construção do gasoduto Turkish Stream (Corrente Turca) e da usina nuclear de Akkuyu.

    "O Turkish Stream será construído. Definiremos os prazos necessários com os nossos ministérios e departamentos para assegurar o fornecimento de gás russo para a Europa através deste gasoduto", disse Erdogan aos jornalistas.

    Putin disse que a Turquia continuou trabalhando para construir o Turkish Stream mesmo no período da crise. O presidnte turco prometeu acelerar a realização 

    Na opinião de Erdogan, a normalização de relações com a Rússia levará à paz e estabilidade na região.

    "As relações russo-turcas abrangem não somente o comércio e economia. Esperamos que a sua recuperação e normalização traga a paz e estabilidade para a região", disse o líder turco. 

    Putin afirmou que a razão principal para a normalização de relações bilaterais não era somente pragmática.

    "Os interesses superiores dos nossos povos, dos nossos países, exigem restaurar o nível das nossas relações intergovernamentais. Temos em conta não somente argumentos pragmáticos, mas também a ideia de boa vizinhança de longo prazo e amizade entre os povos da Turquia e Rússia", disse Putin.

    As relações entre Moscou e Ancara estavam em crise desde 24 de novembro de 2015 quando um avião russo Su-24 foi derrubado por um caça turco em espaço aéreo sírio. A Turquia alegou ter abatido a aeronave russa por esta ter violado o espaço aéreo turco. Tanto o Estado-Maior russo como o Comando de Defesa Aérea da Síria confirmaram que o bombardeiro russo nunca entrou no espaço aéreo da Turquia.

    No fim de junho Erdogan enviou ao líder russo uma carta na qual pediu desculpas pelo abate do Su-24 e expressou condolências em relação à morte do piloto da aeronave, declarando que a Turquia não quis deteriorar as relações com a Rússia.

    Tags:
    entrevista coletiva, projetos, relações, encontro, Recep Tayyip Erdogan, Vladimir Putin, Turquia, Rússia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik