09:51 23 Junho 2021
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    121154
    Nos siga no

    A Marinha dos Estados Unidos interceptou um lote de armas ilícitas transportadas por um navio em águas internacionais no norte do mar da Arábia.

    Fotos da carga, que supostamente incluía "mísseis guiados antitanque de fabricação russa" e rifles de assalto chineses, foram postadas pela conta oficial da Quinta Frota dos EUA no Twitter na última sexta-feira (7). 

    ​Milhares de armas ilícitas interditadas pelo cruzador de mísseis guiados USS Monterey (CG 61) de um dhow sem Estado nas águas internacionais do norte do mar da Arábia em 6 e 7 de maio. O esconderijo de armas incluía mísseis guiados antitanque de fabricação russa e rifles de assalto chineses Type 56. 

    A Quinta Frota dos EUA usou um helicóptero SH-60 Seahawk, que decolou do cruzador de mísseis guiados USS Monterey (CG 61), para parar o navio apátrida para verificação de bandeira durante patrulhas de rotina.

    "O USS Monterey e sua Equipe de Interdição Avançada (AIT) da Guarda Costeira dos EUA descobriram a carga ilícita durante um embarque de verificação de bandeira de rotina realizado em águas internacionais de acordo com o direito internacional consuetudinário", disseram os militares norte-americanos. 

    ​O USS Monterey forneceu mais de 36 horas de vigilância e segurança para suas equipes de embarque e a embarcação interditada durante os dois dias de operação. 

    O navio suspeito esteve sob vigilância do USS Monterey por cerca de 36 horas antes de ser abordado. A carga foi confiscada e agora aguarda disposição enquanto uma investigação é realizada para determinar a origem das armas e seu destino final. Enquanto isso, a tripulação do navio não identificado foi liberada "após interrogatório" e o "dhow foi avaliado quanto à navegabilidade".

    Mais:

    Piloto desaparece após queda de caça indiano no mar Arábico
    Irã teria disparado míssil contra navio israelense no mar Arábico
    Arábia Saudita diz ter destruído barco com explosivos em porto no mar Vermelho
    Tags:
    China, Rússia, interceptação, Marinha dos EUA, armas, carga, Mar da Arábia, Estados Unidos, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar