10:31 16 Maio 2021
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    8928
    Nos siga no

    Turquia anunciou na sexta-feira (23) que iniciou uma dupla ofensiva aérea e terrestre contra uma insurgência curda no norte do Iraque.

    O Ministério da Defesa da Turquia informou que as operações Garra Relâmpago e Garra Trovão começaram na sexta-feira (23) e continuaram durante toda a noite.

    O ministro da Defesa turco, Hulusi Akar, disse que cerca de 460 alvos do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), considerado organização terrorista pela Turquia, foram eliminados em ataques terrestres e outros 60 por assaltos aéreos nas regiões de Metina e Avasin-Basyan, localizadas no norte do Iraque.

    Uma fonte das forças de segurança iraquianas disse à Sputnik que, no sábado (24) à tarde, a operação turca se estendeu por grande parte da região fronteiriça.

    Militante do PKK no norte do Iraque
    © AFP 2021 / Ahmad Al-Rubaye
    Militante do PKK no norte do Iraque
    "Aparentemente o objetivo da operação é empurrar a incursão para dentro do território iraquiano. As Forças Armadas turcas estão passando a pente fino o norte do Iraque por terra e por ar", comentou a fonte.

    A Turquia tem realizado regularmente operações transfronteiriças na região semiautônoma curda no Iraque, apesar dos protestos de Bagdá, em uma tentativa de erradicar a militância do PKK que busca criar um Estado curdo soberano em partes da Turquia e do Iraque.

    Fundado na década de 1970, o PKK lutou de armas nas mãos contra o governo de Ancara por décadas, exigindo a criação de uma autonomia curda no sudeste da Turquia. Um acordo de cessar-fogo alcançado em 2013 fracassou dois anos depois.

    Mais:

    Turquia e Irã travam batalha diplomática em meio a ameaças turcas ao Iraque, diz Bloomberg
    Dois oficiais da guarda de fronteira iraquiana morrem em ataque de drones turcos
    Ministério da Defesa da Turquia diz matar 48 membros do PKK no norte do Iraque
    Tags:
    Oriente Médio, Turquia, Iraque, combatentes curdos, soldados turcos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar