17:58 16 Abril 2021
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    460
    Nos siga no

    O Ministério de Energia da Arábia Saudita informou que um drone atingiu tanques de petróleo no porto de Ras Tanura, um dos maiores do mundo para transporte de petróleo.

    Estilhaços de um míssil balístico caíram perto da área residencial da Saudi Aramco, em Dhahran, completou o ministério.

    Um porta-voz do ministério disse em comunicado à agência de notícias estatal SPA que nenhum dos ataques resultou em qualquer ferimento, mortes ou danos a propriedades.

    ​Em sua declaração, o porta-voz destacou que o país condena e criminaliza esses atos repetidos de sabotagem e hostilidade, convocando as nações e organizações do mundo a se unirem contra esses ataques, que visam alvos civis e instalações vitais.

    "Tais atos de sabotagem não são direcionados apenas ao Reino da Arábia Saudita, mas também a segurança e estabilidade do fornecimento de energia para o mundo e, portanto, à economia global. Eles afetam a segurança das exportações de petróleo, a liberdade de comércio mundial e o tráfego marítimo. Eles também expõem a costa e as águas territoriais a graves catástrofes ambientais devido ao potencial vazamento de petróleo ou produtos derivados do petróleo", completou o porta-voz.

    Mais cedo, a coalizão liderada pelos sauditas que luta no Iêmen afirmou que a Arábia Saudita tomará todas as medidas necessárias para se proteger e garantir a estabilidade do fornecimento de energia e do tráfego marítimo.

    Mais:

    Irã acusa EUA de lucrar com 'comércio de sangue' vendendo armas à Arábia Saudita usadas contra Iêmen
    Coalizão liderada pela Arábia Saudita destrói drones carregados de explosivos
    Explosão é ouvida em Dhahran, na Arábia Saudita, dizem moradores
    Tags:
    porto, petróleo, drone, ataques, Arábia Saudita
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar