11:28 05 Março 2021
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    Coronavírus no mundo no final de fevereiro de 2021 (71)
    1140
    Nos siga no

    O governo do Irã garantiu nesta terça-feira (23) que a produção conjunta da vacina russa Sputnik V contra o coronavírus pode chegar a 40 milhões de doses anuais.

    O Irã e a Rússia assinaram um acordo no final de janeiro para a produção conjunta da vacina Sputnik V, desenvolvida pelo Centro Nacional de Pesquisa de Epidemiologia e Microbiologia Gamaleya com financiamento do Fundo Russo de Investimentos Diretos (RFPI).

    "A capacidade de produção deve ultrapassar 40 milhões de doses da vacina", disse o porta-voz do governo iraniano, Ali Rabii, em nota.

    Rabii especificou que um laboratório privado iraniano e o Centro Gamaleya podem começar a produção do imunizante russo antes de 21 de março deste ano.

    Instalações da fábrica da União Química, laboratório brasileiro que fechou acordo com o governo russo para produção da vacina contra a COVID-19 Sputnik V
    © Folhapress / Pedro Ladeira
    Instalações da fábrica da União Química, laboratório brasileiro que fechou acordo com o governo russo para produção da vacina contra a COVID-19 Sputnik V

    O Ministério da Saúde do Irã projeta que o país se tornará um importante centro de produção de vacinas contra o coronavírus e um dos mais importantes exportadores de imunizantes nos próximos meses.

    A vacina Sputnik V mostrou altos indicadores de eficácia, imunogenicidade e segurança durante a realização da terceira fase de testes. O imunizante assegura proteção de 100% para os casos moderados e graves da infecção pelo novo coronavírus.

    Tema:
    Coronavírus no mundo no final de fevereiro de 2021 (71)

    Mais:

    Governo brasileiro dispensa licitação para compra da Sputnik V e Covaxin
    Embaixada russa nos EUA recebe constantes pedidos para obtenção da vacina Sputnik V, diz embaixador
    Macedônia do Norte planeja encomendar a vacina russa Sputnik V contra a COVID-19
    Começam testes clínicos da combinação das vacinas contra COVID-19 Sputnik V e AstraZeneca
    Tags:
    vacinação, vacina, Sputnik V, Rússia, Irã, novo coronavírus, COVID-19
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar