04:49 04 Março 2021
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    5366
    Nos siga no

    Neste domingo (14), os sistemas de defesa antiaérea da Síria interceptaram uma "agressão israelense" sobre a capital do país, Damasco, de acordo com a agência estatal síria SANA.

    Conforme publicou neste domingo (14) a agência estatal síria de notícias SANA, ataques israelenses foram interceptados pelos sistemas de defesa antiaérea da Síria sobre os subúrbios da capital Damasco.

    De acordo com as informações da agência síria, fortes explosões foram ouvidas nos subúrbios a oeste de Damasco. Os mísseis teriam sido lançados das colinas de Golã e tinham alvos localizados nas proximidades da capital síria. A maioria dos mísseis foi abatida pelos sistemas de defesa antiaérea da Síria. A agência não divulgou detalhes sobre vítimas ou danos.

    "Hoje, às 01h18 [20h18 no horário de Brasília], o inimigo israelense lançou um ataque com mísseis das colinas de Golã e da Galileia ocupadas na Síria [ao norte de Israel] em uma série de alvos nos arredores de Damasco e sistemas de defesa antiaérea repeliram a agressão e derrubaram a maioria dos mísseis inimigos", disse uma fonte militar à agência SANA.

    Nas redes sociais é possível encontrar vídeos e fotos do incidente.

    ​Vídeo de nossas defesas antiaéreas confrontando a agressão israelense na atmosfera em torno da cidade de Damasco. 

    O local dos ataques aéreos israelenses a oeste de Damasco​ visto do subúrbio de Dummar.

    Anteriormente, um assessor do ministro das Relações Exteriores do Irã, Ali Asghar Khaji, advertiu Israel contra cruzar as "linhas vermelhas" na Síria, descrevendo as ações militares israelenses como "agressivas e hostis para com a região, os palestinos e os países vizinhos".

    Durante os últimos meses, Israel tem supostamente atacado os territórios da fronteira sul da Síria ao lado dos subúrbios de Damasco, onde tropas apoiadas pelo Irã estariam posicionadas. Tel Aviv não assumiu oficialmente a responsabilidade pelos ataques aéreos.

    Ainda de acordo com a agência SANA, a Síria sofre com bombardeios aéreos regulares conduzidos por Israel. Apesar disso, o governo israelense não comenta esses ataques aéreos, enquanto altos funcionários israelenses afirmam que eles realizam diversas operações militares na Síria para atingir grupos paramilitares supostamente apoiados pelo Irã.

    Mais:

    Forças de Defesa de Israel publicam IMAGENS de alvos na Síria atingidos por seus mísseis
    Israel ataca sul de província síria de Damasco (VÍDEO, FOTOS)
    Observadores: último ataque de Israel contra leste da Síria matou 57
    Tags:
    SANA, Israel, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar