04:28 14 Maio 2021
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    7525
    Nos siga no

    Em meio à situação diplomática delicada pela falta de comunicação entre os líderes dos dois países, os EUA ameaçam banir pouso de aviões israelenses no país.

    Após Israel definir na quarta-feira (11) que apenas aviões da empresa aérea israelense El Al poderiam voar dos Estados Unidos para Israel em voos de emergência, o governo dos EUA declarou que se outras companhias norte-americanas não tiverem permissão para fazerem o mesmo, os aviões israelenses não terão permissão para pousar no país, segundo reportou o The Jerusalem Post.

    As companhias aéreas norte-americanas como a Delta e a United, junto a todas as outras que não sejam a El Al, não foram autorizadas a operar voos entre os dois países.

    A administração Biden acusou Jerusalém de violar a liberdade do ar e criar uma crise após o fechamento da fronteira israelense devido à pandemia do coronavírus. O governo então exigiu que os aviões de companhias aéreas norte-americanas também pudessem pousar Israel, segundo a mídia.

    O Departamento de Transportes dos EUA denunciou ao Ministério das Relações Exteriores e ao Ministério dos Transportes de Israel a situação, ressaltando que a mesma viola o acordo de aviação entre os países, que visa garantir tratamento igual às companhias aéreas israelenses e norte-americanas.

    Israel e Estados Unidos se encontram em uma situação diplomática um pouco delicada, já que desde de sua posse, em 20 de janeiro, Joe Biden, ainda não fez contato com o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu. Várias especulações têm surgido nos últimos dias sobre a posição aparentemente mais fria da nova administração em relação ao premiê.

    Contudo, a Casa Branca declarou que não está "desprezando" esse contato e que Biden "deseja falar com o primeiro-ministro Netanyahu. Posso assegurar que isso acontecerá em breve, mas não tenho uma data ou horário específicos", de acordo com Jen Psaki, secretária de imprensa da Casa Branca.

    Mais:

    Irã ameaça Israel caso o país continue os ataques à Síria: 'Resposta será mais dura'
    Forças de Defesa de Israel confirmam compra de armas e aeronaves dos EUA avaliada em US$ 9 bilhões
    Juniper Falcon: Israel e EUA dão início à última edição do exercício conjunto de defesa antiaérea
    Tags:
    pandemia, Estados Unidos, israel
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar