00:26 17 Janeiro 2021
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    4214
    Nos siga no

    Síria ativou sua defesa antiaérea para repelir um ataque de foguetes israelense perto de uma cidade ao sul de Damasco, informou a agência estatal do país SANA.

    De acordo com a mídia, os ataques ocorreram na noite desta quarta-feira (6) em uma zona perto de Damasco – a capital do país – alegadamente visando instalações militares perto da cidade de al-Kisweh, localizada cerca de 30 km ao sul da capital.

    "Exatamente às 23h10, o inimigo israelense realizou uma agressão aérea através de rajadas de mísseis a partir das ocupadas Colinas de Golã sírias contra alguns alvos na região sul", disse à SANA uma fonte militar em condição de anonimato.

    Segundo Times of Israel, explosões de foguetes também atingiram uma zona perto da cidade de al-Dimas, a oeste da cidade de Damasco.

    A agência estatal síria compartilhou vídeo que alegadamente mostra a defesa antiaérea do país sendo acionada contra os projéteis.

    Durante o ano passado, foram lançados vários ataques aéreos contra o território sírio, no que, segundo alegou Damasco, eram operações militares israelenses destinadas a combater a presença militar iraniana no país. Síria condenou os ataques denominando-os de violações da soberania nacional.

    Mais:

    Forças de Defesa israelenses avisam Irã: 'Estamos de olho em vocês'
    Defesa aérea da Síria impede 'agressão israelense' em Damasco, diz agência oficial (VÍDEOS)
    O mundo seria um lugar mais seguro sem Israel, afirma o chefe da segurança nacional do Irã
    Tags:
    Colinas de Golã, Damasco, Israel, ataque aéreo, conflito sírio, Oriente Médio
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar