11:50 13 Abril 2021
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    559
    Nos siga no

    O ministro de Energia de Israel, Yuval Steinitz, criticou a declaração do ministro das Relações Exteriores iraniano, Javad Zarif, de que Israel está planejando atacar alvos norte-americanos para desencadear uma guerra entre os EUA e Irã.

    Durante uma entrevista à rádio Kan neste domingo (3), Steinitz disse que as declarações do chanceler iraniano foram "absurdas".

    "Ouvimos este absurdo de Zarif, de que Israel desencadearia ataques terroristas contra os Estados Unidos, e isso realmente é um absurdo total. Mas, por outro lado, é um sinal de alerta [...] de que o Irã está mirando em Israel, está procurando desculpas para atacar Israel e, portanto, precisamos estar no mais alto estado de alerta", declarou.

    A declaração do ministro israelense ocorre um dia após Zarif dizer que possui informação de inteligência e ofereceu um aviso a Donald Trump, presidente dos EUA, sobre uma possível operação de bandeira falsa.

    Novas informações de inteligência do Iraque indicam que agentes provocadores israelenses estão planejando ataques contra os americanos, enrolando Trump prestes a sair em um casus belli falso.

    Tome cuidado com uma armadilha, Donald Trump. Quaisquer fogos de artifício terão um resultado ruim, particularmente para seus melhores amigos para sempre.

    O Irã já fez algumas declarações dizendo ter disposição para se vingar do assassinato de Qassem Soleimani ocorrido há exatamente um ano, no dia 3 de janeiro de 2020.

    Mais:

    General do Irã adverte que 'algumas pessoas' dentro dos EUA podem se vingar por Soleimani
    Irã diz à AIEA que planeja enriquecer urânio a 20%, segundo enviado russo
    Irã afirma estar pronto para se defender em meio a provocações dos EUA no golfo Pérsico
    Irã não iniciará guerra, mas 'é capaz de converter porta-aviões dos EUA em submarinos', diz general
    Tags:
    conflito armado, conflito, bandeira falsa, ataque de bandeira falsa, Oriente Médio, ataque, Estados Unidos, Mohammad Javad Zarif, israel, Irã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar