14:47 13 Abril 2021
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    0 71
    Nos siga no

    Israel será dependente apenas de seus próprios recursos de gás a partir de 2022, de acordo com o Ministério da Energia.

    Israel opera dois grandes campos de gás natural no mar Mediterrâneo: Tamar, que bombeia gás desde 2013, e Leviathan, que iniciou sua produção no ano passado. Uma terceira fonte de gás, o campo de Karish, começará a produzir gás durante o próximo ano, segundo o The Jerusalem Post.

    O estado hebraico mantém, no entanto, um suprimento de gás de emergência offshore em um barco da Unidade Flutuante de Armazenamento e Regaseificação (FSRU, na sigla em inglês) na costa de Hadera, construído em 2012. O cancelamento dessa unidade economizará ao estado hebraico mais de 250 milhões de NIS (cerca de R$ 405 milhões) por ano em custos de eletricidade.

    Em carta à empresa americana que fornece o FSRU, o diretor-geral do Ministério da Energia de Israel, Udi Adiri, agradeceu à empresa pelo seu serviço, mas avisou que vai cancelar o acordo.

    Mais:

    Enviado iraniano no Egito afirma que EUA e Israel estão tentando criar divisão no mundo árabe
    Damasco: bloqueio econômico e sanções dos EUA são principais causas do sofrimento do povo sírio
    Desafios dos Acordos de Abraão: qual seria a estratégia de Biden para Oriente Médio?
    Tags:
    energia, eletricidade, produção, gás natural, Israel
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar