12:21 21 Janeiro 2021
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    2304
    Nos siga no

    Os sistemas de defesa aérea da Síria repeliram nesta sexta-feira (25) um ataque israelense na província de Hama, no oeste do país, realizado por aviões que sobrevoavam o espaço aéreo libanês, informou o Ministério da Defesa sírio.

    "Precisamente às 0h40 de hoje [25, 19h40 do dia 24 em Brasília], os jatos israelenses inimigos lançaram mísseis do espaço aéreo libanês sobre a cidade de Trípoli, em direção à cidade de Masyaf, na parte oeste da província de Hama", assinalou o ministério em um comunicado.

    De acordo com a nota oficial, os sistemas de defesa aérea da Síria repeliram a maioria dos projéteis disparados pelos aviões israelenses.

    Antes de o governo emitir essa nota oficial, a agência de notícias estatal da Síria, SANA, e outros veículos do país árabe relataram o incidente. 

    "A defesa aérea está repelindo a agressão israelense perto da cidade de Masyaf, na província de Hama", reportou a SANA.

    Alguns veículos disseram que o alvo da ação israelense poderia ser um centro de pesquisa científica localizado na região. Imagens foram publicadas pela agência SANA com o que seriam os alvos sendo interceptados pela defesa aérea da Síria. Até o momento, não foram divulgadas informações sobre possíveis danos na área.

    Alguns vídeos foram compartilhados nas redes sociais mostrando atividades suspeitas no céu sobre Beirute, a capital do Líbano, alegando que se tratavam de aviões militares israelenses voando a baixa altitude.

    Aviões da Força Aérea Israelense em baixa altitude sobre Beirute.

    ​Logo em seguida, o mesmo perfil no Twitter corrigiu a informação e disse que não eram aviões, mas mísseis Tomahawk.

    Não eram aviões, mas mísseis Tomahawk.

    A Síria foi alvo de uma série de ataques aéreos em 2020, a maioria dos quais nenhum grupo ou Estado assumiu responsabilidade.

    No entanto, em 11 de dezembro, o chefe de gabinete das Forças de Defesa de Israel (FDI), o tenente-general Aviv Kochavi, disse que Israel conduziu inúmeras ações na Síria contra alvos que ele alega que estariam relacionados a grupos apoiados pelo Irã que supostamente operariam na República Árabe.

    O governo sírio, por sua vez, já havia acusado Israel de conduzir ataques aéreos ilegais em seu território e apelou à comunidade internacional para pressionar o governo israelense sobre essa questão.

    Mais:

    Israel ataca sul de província síria de Damasco (VÍDEO, FOTOS)
    Forças de Defesa de Israel publicam IMAGENS de alvos na Síria atingidos por seus mísseis
    Netanyahu diz que Israel não vai permitir que Irã ganhe território na Síria
    Tags:
    mísseis, Israel, ataque aéreo, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar