00:58 18 Abril 2021
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    7215
    Nos siga no

    Os Estado Unidos confirmaram que a retirada de tropas do Afeganistão é adiada até 15 de janeiro. O fim da missão depende dos resultados das negociações com movimento islâmico radical Talibã.

    Os EUA confirmaram que a retirada de tropas norte-americanas do Afeganistão é adiada até 15 de janeiro e que o contingente de 2,5 mil militares vai permanecer lá, de acordo com ministra da Defesa da Alemanha Annegret Kramp-Karrenbauer.

    "Nos próximos dias os norte-americanos devem declarar em concreto quem e de onde eles vão retirar e o que isso significa para nós no curto prazo", disse a ministra discursando em um fórum sobre política externa organizado pela fundação Korber em Berlim.

    Alemanha ainda está participando da missão e sempre disse que o fim da missão depende do cumprimento das condições que agora são negociadas entre Talibã (organização terrorista proibida na Rússia e em outros países) e o governo afegão, acrescentou Kramp-Karrenbauer.

    Ela sublinhou que "a retirada prematura, destrutiva das tropas dos EUA e, talvez, posteriormente das tropas da OTAN" não daria "o tempo necessário para realizar essas negociações difíceis".

    Os Estados Unidos alcançaram um acordo com o Talibã em fevereiro, o número de soldados caiu para 8,6 mil em julho com previsão de saída de outros quatro mil nos próximos meses. Em troca, os talibãs seriam obrigados a começar negociações com o governo afegão e garantir que o Afeganistão não será uma base para terroristas internacionais. As negociações começaram em 12 de setembro.

    Mais:

    Pentágono espera ordem de Trump para reduzir tropas no Iraque e Afeganistão pela metade
    Afeganistão recebe 4 aeronaves A-29 Super Tucano dos EUA (VÍDEO)
    Administração Biden tem de completar saída de tropas dos EUA do Afeganistão, diz Talibã
    Tags:
    Talibã, tropas, Afeganistão, EUA, Alemanha
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar