04:46 26 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    4362
    Nos siga no

    Instrutores norte-americanos estão treinando aproximadamente 30 terroristas do Daesh (grupo terrorista proibido na Rússia e em outros países), que estavam entre os prisioneiros do campo de refugiados Al-Hawl, segundo Mikhail Mizintsev.

    A ação visa o fortalecimento de grupos armados ilegais, segundo o chefe do quartel-general russo-sírio coordenador do retorno dos refugiados sírios, Mikhail Mizintsev, nesta quarta-feira (11).

    "De agosto a setembro deste ano, um grupo de até 30 pessoas foi recrutado entre os terroristas presos do Daesh mantidos em Al-Hawl", afirmou Mizintsev.

    Segundo Mizintsev, o grupo está sendo treinado por instrutores norte-americanos, em um curso de preparação especial de duração de dois meses.

    "Quem se beneficia da situação, vale recordar o provérbio árabe: 'Aquele que planta vento, colhe tempestade'", adicionou.

    Há centenas de campos de refugiados na Síria sem controle do governo sírio, sendo que os mais conhecidos são Rukban e Al-Hawl, e tendo a Rússia inúmeras vezes apelado aos EUA para desmantelá-los devido às más condições humanitárias e ao sequestro de refugiados por radicais islâmicos. Contudo, os EUA não dão qualquer resposta.

    Mais:

    Ataque do Daesh contra vila na Síria deixa 9 pessoas mortas, diz mídia local
    Síria chama Turquia de 'patrocinadora de terror' no Oriente Médio
    Cinco anos da operação russa na Síria: ganhamos a guerra, mas ainda não a paz, diz especialista
    Tags:
    Daesh, grupos terroristas, terroristas, militares, EUA, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar