01:57 26 Novembro 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    0 31
    Nos siga no

    Neste domingo (1º), o número de mortes causadas por um terremoto na região oeste da Turquia aumentou para 64 pessoas, enquanto o número de feridos subiu para 949.

    As informações foram divulgadas pela Presidência Turca de Gerenciamento de Emergências e Desastres (AFAD) neste domingo (1º). Os números anteriores apontavam 58 mortos e 920 feridos.

    "De acordo com as últimas informações, 64 pessoas morreram, 220 pessoas continuam recebendo tratamento em hospitais", disse a AFAD em um comunicado.

    Ainda segundo a AFAD, de todos os feridos pelo menos 729 já receberam alta dos hospitais. O órgão governamental turco também informa que o terremoto gerou 945 tremores secundários, sendo pelo menos 43 com mais de 4 graus de magnitude.

    Prédio destruído em Izmir, na Turquia, após grande terremoto atingir o mar Egeu nesta sexta-feira, 30 de outubro de 2020
    © REUTERS / TUNCAY DERSINLIOGLU
    Prédio destruído em Izmir, na Turquia, após grande terremoto atingir o mar Egeu nesta sexta-feira, 30 de outubro de 2020

    Na sexta-feira (30), um terremoto de 6,6 graus atingiu a Turquia, tendo como epicentro um ponto do mar Egeu, próximo à cidade de Seferihisar, na província de Izmir. O terremoto também afetou as ilhas gregas próximas, incluindo Samos, onde duas pessoas morreram e 20 ficaram feridas. Os sismólogos gregos estimaram a magnitude do terremoto em 6,9.

    Mais:

    Macron convoca embaixador na Turquia após fala de Erdogan
    Turquia critica charge 'explícita' do presidente Erdogan na capa do jornal Charlie Hebdo
    Turquia convoca encarregado de negócios francês por caricaturas de Erdogan
    Tags:
    mar Egeu, Grécia, Izmir, Turquia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar