23:02 11 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    Pandemia da COVID-19 no mundo em meados de julho (46)
    0 30
    Nos siga no

    Nesta sexta-feira (17), o escritório regional africano da Organização Mundial da Saúde (OMS) divulgou que a África chegou a 600 mil casos da COVID-19.

    Segundo os dados divulgados pela organização multilateral, o continente atingiu a marca de casos após registrar 14.386 infecções do novo coronavírus nas últimas 24 horas. Ao longo da última semana os casos subiram 27%.

    A OMS informou a atualização através das redes sociais.

    ​Mais de 663.000 casos confirmados de #COVID19 no continente africano - com mais de 343.000 recuperações e 14.000 mortes. Veja os números dos países e mais com o Painel COVID-19 da OMS para a região africana.

    A maior parte dos casos na região se concentram na África do Sul, que chegou a 324.221 infecções e 4.120 mortes. O país é o mais afetado pela pandemia no continente e o 6º país com mais casos registrados no mundo.

    Policiais e enfermeira com máscaras contra o coronavírus na África do Sul
    © AP Photo / Themba Hadebe
    Policiais e enfermeira com máscaras contra o coronavírus na África do Sul

    Nesta sexta-feira (17), além da África Sul, os países que mais registraram casos no continente foram o Egito, com 85.771 casos, e a Nigéria, com 34.854 pessoas infectadas.

    Matshidiso Moeti, chefe da OMS África, alertou em junho que a COVID-19 estava acelerando e saindo das regiões urbanas e se interiorizando pelo continente.

    Tema:
    Pandemia da COVID-19 no mundo em meados de julho (46)

    Mais:

    OMS revela vacina mais avançada no momento contra COVID-19
    COVID-19 pode matar quase 200 mil pessoas na África, alerta OMS
    Rússia envia 15 mil testes de COVID-19 para a África do Sul
    Tags:
    COVID-19, OMS, Egito, Nigéria, África do Sul, África
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar