13:50 02 Julho 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    0 04
    Nos siga no

    Ao menos 48 pessoas ficaram feridas devido a confrontos ocorridos durante uma grande manifestação contra o governo libanês neste sábado (6) em Beirute.

    De acordo com informações da Agence France-Presse, alguns dos embates teriam ocorrido entre opositores e apoiadores do grupo Hezbollah. A agência afirma que centenas de pessoas teriam se reunido na praça dos Mártires, no centro, onde também houve confrontos com as forças de segurança, que usaram bombas de gás lacrimogêneo contra a multidão.

    Dos feridos, pelo menos 11 precisaram ser hospitalizados, enquanto os demais foram tratados no local, segundo fontes da Cruz Vermelha citadas pela AFP. 

    Dezenas de feridos em confrontos quando centenas de manifestantes inundam Beirute​.

    Esse foi o primeiro grande protesto contra o governo do Líbano desde que as autoridades decidiram flexibilizar algumas das restrições impostas devido ao surto do novo coronavírus no país. Algumas das reivindicações incluíam melhores serviços de saúde, educação e emprego, "direitos básicos", como definiu uma estudante ouvida pela agência francesa.

    Mais:

    Donald Trump diz por que estava em bunker subterrâneo em meio a protestos
    Bolsonaro participa de manifestação a favor de seu governo e com pedidos antidemocráticos (FOTOS)
    Sábado de protestos na Europa: Lisboa reúne milhares contra racismo em evento pacífico (FOTOS)
    Tags:
    confrontos, protestos, manifestação, AFP, Hezbollah, Oriente Médio, Beirute, Líbano
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar