01:44 11 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    17181
    Nos siga no

    O Irã atacará os EUA e Israel se estes cometerem o menor erro, afirmou o comandante do Corpo de Guardiões da Revolução Islâmica (IRGC) em um discurso transmitido ao vivo pela TV estatal iraniana.

    "Se cometerem o menor erro, atacaremos ambos", advertiu o major-general Hossein Salami, citado pela Reuters.

    O comentário veio durante uma homenagem aos 40 dias da morte do general Qassem Soleimani, que foi assassinado em um ataque por um drone americano em Bagdá no início de janeiro.

    O comandante iraniano teria reagido a uma reportagem do jornal Times of Israel sobre os recentes comentários do ministro da Defesa israelense, Naftali Bennett.

    A mídia noticiou que Bennett declarou que Tel Aviv e Washington concordaram que Israel será responsável por neutralizar a influência iraniana na Síria, enquanto os EUA o farão no Iraque.

    Ações militares contra Irã

    Ontem, 13 de fevereiro, o Senado dos EUA apoiou um projeto de lei segundo o qual o presidente americano Donald Trump precisará da aprovação do Congresso para iniciar uma grande operação militar contra o Irã.

    Comandante da Guarda Revolucionária, major-general Hossein Salami (foto de arquivo)
    © AP Photo / Vahid Salemi
    Comandante da Guarda Revolucionária, major-general Hossein Salami (foto de arquivo)

    A resolução sobre os poderes de decidir ações militares contra o Irã, que havia sido aprovada pela Câmara dos Representantes em janeiro, foi promovida pelos democratas em resposta à escalada nas relações entre Washington e Teerã após o ataque dos EUA que assassinou Soleimani.

    Após a aprovação do projeto de lei pelas duas câmaras do Congresso dos EUA, Trump prometeu vetar a resolução.

    Mais:

    Trump pede que Senado dos EUA não limite seus poderes para guerra contra o Irã
    Nenhum comandante dos EUA estará seguro se oficiais iranianos forem ameaçados, avisa general do Irã
    Irã ameaça dar 'resposta esmagadora' a qualquer ação de Israel contra seus interesses na Síria
    Tags:
    Naftali Bennett, Qassem Soleimani, Israel, EUA, Irã, Hossein Salami
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar