17:25 03 Junho 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    8163
    Nos siga no

    Forças do governo sírio tomaram várias áreas antes controladas por insurgentes, em um esforço para assumir o controle da rodovia estratégica no nordeste do país.

    A nova ofensiva do governo sírio na província de Idlib obteve sucesso em conquistar áreas antes controladas por rebeldes, reportou a Associated Press.

    Ao invés de conduzir uma ofensiva de larga escala, com o objetivo de controlar toda a província e sua capital, o Exército governamental sírio optou por se focar no controle da rodovia M5.

    "Nosso objetivo é liberar a rodovia e expulsar os terroristas", disse um comandante sírio à televisão local.

    A rodovia M5 é considerada de alto valor estratégico, uma vez que liga a capital da Síria, Damasco, a Aleppo, cidade no nordeste do país, com mais de 3 milhões de habitantes.

    Neste sábado (8), o canal estatal sírio informou que o exército teria tomado quatro vilarejos da província de Aleppo, todos próximos à rodovia.

    Além disso, as Forças Armadas da Síria e especialistas em desminagem teriam desativado minas e explosivos na cidade de Saraqeb, recentemente capturada, que fica na interseção entre a M5 a a M4, ligando a costa síria com o Leste do país.

    Soldado do Exército sírio protegendo o norte da província síria de Latakia
    © Sputnik / MORAD SAEED
    Soldado do Exército sírio protegendo o norte da província síria de Latakia

    Mais tarde, o canal informou que as Forças Armadas liberaram o vilarejo de al-Eis.

    Na semana passada, a Turquia, principal apoiadora das forças insurgentes na Síria, retomou atividades militares em Idlib, baseando-se no "seu direito de autodefesa".

    No dia 3 de fevereiro, um ataque em Idlib, no noroeste da Síria, matou sete soldados turcos e um empreiteiro civil que trabalhava com os militares turcos, ferindo mais de uma dúzia de homens. Em retaliação, a Turquia bombardeou mais de 50 alvos e matou 76 soldados sírios.

    Mais:

    EUA interrompem programa secreto de drones espiões com Ancara após Turquia invadir a Síria
    Assad acusa EUA de venderem à Turquia petróleo roubado dos campos petrolíferos sírios
    Síria acusa Turquia e Israel de apoiar terroristas
    Tags:
    Idlib, conflito sírio, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar