15:55 25 Maio 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    3214
    Nos siga no

    A Turquia continua realizando a transferência de armas e veículos blindados para seus postos de observação na província de Idlib, no noroeste da Síria.

    A região de Idlib abriga uma zona de diminuição de conflitos definida através de acordo entre Turquia e Rússia.

    A informação de que os equipamentos militares turcos seguem sendo enviados à região foi publicada nesta quinta-feira (6) pelo jornal turco Aksam.

    Segundo o jornal, essas armas são enviadas a Idlib para fortalecer os postos de observação turcos que monitoram a província.

    A Turquia, ao lado da Rússia e do Irã, é fiadora do cessar-fogo na Síria. Em 2017, os lados concordaram em estabelecer zonas para diminuir as hostilidades no país árabe.

    Na quarta-feira (5), o presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, afirmou que pediu ao presidente russo, Vladimir Putin, que pressione o presidente sírio, Bashar Assad, para pôr fim à ofensiva das forças armadas sírias em Idlib, onde permanece a zona entre Ancara e Moscou.

    Mais:

    Rússia e Turquia chegam a acordo sobre cessar-fogo na cidade síria de Idlib
    Turquia não hesitará em usar força militar se Síria não cessar ataques em Idlib, diz Erdogan
    Turquia pede que Rússia pressione Síria por fim de ações militares em Idlib, diz diplomata
    Tags:
    Moscou, Ancara, Recep Tayyip Erdogan, Vladimir Putin, Bashar Assad, Irã, Rússia, Síria, Idlib
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar