21:27 31 Maio 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    251445
    Nos siga no

    Turquia enviou caças F-16 para bombardear a província síria de Idlib, nesta segunda-feira (03). Presidente Recep Tayyip Erdogan anunciou que o número de mortos do lado turco em suposto ataque de artilharia do Exército sírio chegou a 8 militares.

    Em coletiva de imprensa em Ancara, o presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, disse:

    "Caças turcos F-16 e obuses continuam a atacar alvos do regime [do presidente Bashar Assad]. Temos aproximadamente 40 alvos. Como resultado, de 30 a 35 sírios foram neutralizados."

    Anteriormente, a agência Anadolu havia noticiado que quatro militares turcos morreram e outros nove ficaram feridos durante suposto ataque do Exército sírio em Idlib. Mais tarde, Erdogan anunciou que o número de baixas do lado turco chega a 8.

    "Os lados do conflito foram previamente informados sobre as coordenadas de localização das tropas turcas destacadas no noroeste da Síria, com o intuito de evitar confrontos. Apesar disso, foi lançado um ataque de artilharia contra a área onde estavam as tropas turcas", declarou o Ministério da Defesa da Turquia em nota.

    Em uma publicação no Twitter, o secretário de imprensa do presidente turco, Ibrahim Kalin, disse que "o sangue de nossos soldados não ficará sem ser vingado. Os culpados responderão por isso", em referência ao suposto ataque sírio.

    Ainda de acordo com a agência, durante o ataque de retaliação contra as forças do presidente Assad, todos os alvos sírios teriam sido destruídos.

    Anteriormente, o presidente turco havia ameaçado usar a força militar caso o Exército sírio não cessasse os ataques em Idlib.

    Avanços do Exército sírio

    Recentemente o Exército sírio iniciou uma nova ofensiva para retomar áreas controladas por terroristas e rebeldes no país.

    Ontem (2), as forças de Assad descobriram uma base subterrânea de produção de armamentos usada por terroristas na província de Idlib, conforme noticiou a agência SANA.

    Além disso, Damasco recuperou os vilarejos de Inqrati, Kafr Batikh e Kafr Dadikh.

    Mais:

    Drones são abatidos perto de base da Rússia na Síria
    Tanque T-90A sobrevive a impacto de míssil antitanque na Síria (VÍDEO)
    Correspondente do RT fica gravemente ferida durante reportagem na Síria
    Tags:
    Idlib, F-16, Exército Sírio, Bashar Assad, Síria, Turquia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar