05:52 15 Julho 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    11533
    Nos siga no

    O secretário de Defesa dos EUA, Mark Esper, afirmou que segue "trabalhando com o governo iraquiano" para instalar os sistemas Patriot no país, já que ainda não obteve a respectiva autorização.

    "Precisamos da autorização dos iraquianos", reconheceu Esper antes de mencionar algumas razões táticas para o atraso na entrega dos sistemas de mísseis norte-americanos.

    Durante a coletiva de imprensa, o secretário também falou sobre os soldados feridos durante ofensiva iraniana no dia 8 de janeiro, quando as bases iraquianas que abrigam os norte-americanos foram bombardeadas pelo Irã, em represália pela morte do general Qassem Soleimani.

    No dia 28 de janeiro, os EUA suspenderam todas as entregas de armas e munições ao Iraque, inclusive mísseis para os caças F-16.

    No início de janeiro, os legisladores iraquianos aprovaram uma resolução instando o governo a expulsar todas as tropas estrangeiras do país. Entretanto, as autoridades norte-americanas afirmaram que não pretendem deixar a região e planejam manter suas tropas mesmo com a decisão do Parlamento iraquiano.

    O governo iraquiano anunciou que a coalizão "proibiu a realização de qualquer movimento" no território do país. Por sua vez, Trump ameaçou impor novas sanções contra o país árabe.

    Mais:

    Ao menos 3 projéteis atingem proximidades da Embaixada dos EUA no Iraque (VÍDEO)
    Pentágono diz que tropas dos EUA no Iraque são 'força do bem' após Parlamento votar para expulsá-las
    Iraque procura adquirir equipamento de defesa antiaérea de Rússia, China e Ucrânia
    Tags:
    EUA, Iraque, Patriot, sistema de defesa de mísseis, sistema de defesa antiaéreo, sistema de defesa antiaérea, sistema de defesa aérea, sistema de defesa
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar