22:20 11 Julho 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    3142
    Nos siga no

    O ministro das Relações Exteriores do Paquistão disse nesta quinta-feira (16) que pretende informar os Estados Unidos que tem relações próximas com Irã e Arábia Saudita e não participará de nenhum conflito.

    Shah Mahmood Quresh fez o comentário no Centro de Estudos Estratégicos e Internacionais.

    "Fui instruído pelo primeiro-ministro [Imran Khan] a transmitir a mensagem do Paquistão nas três capitais — Teerã, Riad e Washington — o Paquistão será apenas um parceiro para a paz, não fará parte de nenhuma guerra na região", disse Qureshi. "O Paquistão mantém laços estreitos com a Arábia Saudita e o Irã."

    As tensões no Oriente Médio aumentaram significativamente depois que os Estados Unidos mataram o principal comandante iraniano, Qassem Soleimani, no início de janeiro. O Irã retaliou disparando mísseis balísticos contra duas bases no Iraque que hospedam tropas estadunidenses. 

    Os Estados Unidos disseram que o ataque causou danos mínimos e não matou ninguém. Como resposta, Washington sancionou 17 produtores de metais e empresas de mineração iranianas, além de oito altos funcionários.

    Mais:

    EUA querem enviar sistemas antimísseis para Oriente Médio contra possíveis ataques do Irã
    Irã ameaça retaliar Grécia se país permitir uso de suas bases militares pelos EUA
    EUA removem tropas de exercícios da OTAN na Noruega em meio a conflito com Irã
    Presidente do Irã se gaba do enriquecimento crescente de urânio e pontua: 'Nada nos limita'
    Irã autoriza Ucrânia a participar de decifração de caixas-pretas de Boeing
    Tags:
    Qassem Soleimani, Estados Unidos, Paquistão, Irã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar