21:20 27 Janeiro 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    1192
    Nos siga no

    A queda da aeronave Bek Air perto da cidade de Almaty, antiga capital do Cazaquistão, pode ter sido causada por congelamento da aeronave, disse o vice-primeiro-ministro cazaque Roman Sklyar.

    Segundo o vice-primeiro-ministro, a comissão durante a investigação do acidente apresentou quatro versões do acidente do avião.

    "A primeira [versão] é a violação da carga comercial e do alinhamento da aeronave, a segunda - o impacto de fatores externos, como condições climáticas, cisalhamento do vento, jato e gelo, a terceira - erro da tripulação na pilotagem, a quarta - falha do equipamento da aeronave", especificou.

    "Levando em consideração as informações meteorológicas estudadas e a análise do gravador digital dos dados de voo, a versão principal do acidente é congelamento da aeronave", disse Sklyar, em uma coletiva de imprensa nesta sexta-feira (10).

    O primeiro-ministro cazaque Askar Mamin disse anteriormente que uma comissão governamental para investigar as causas do acidente deveria apresentar os resultados preliminares do seu trabalho até 10 de janeiro.

    Tragédia aérea

    O avião Fokker 100 da Bek Air, que se dirigia à capital do Cazaquistão, Astana, com 98 pessoas a bordo, caiu em 27 de dezembro de 2019, logo após a decolagem.

    Serviços de emergência trabalham no local da queda do avião Fokker-100 em Almaty, Cazaquistão, 27 de dezembro de 2019
    © Sputnik / Comitê para Situações de Emergência do Cazaquistão
    Serviços de emergência trabalham no local da queda do avião Fokker-100 em Almaty, Cazaquistão, 27 de dezembro de 2019

    A aeronave perdeu altitude e atingiu um prédio de dois andares vazio. Doze pessoas morreram e outras 69 ficaram feridas no acidente. Voos da Fokker foram suspensos no Cazaquistão, assim como as atividades da companhia aérea.

    Mais:

    Tragédia aérea: avião de passageiros cai no Cazaquistão deixando várias vítimas
    Avião com 98 pessoas cai no Cazaquistão e deixa ao menos 12 mortos (VÍDEOS)
    Número de mortes em acidentes aéreos cai mais da metade em 2019
    Tags:
    avião, Fokker 100, Cazaquistão, acidente aéreo
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar