08:57 21 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    9241
    Nos siga no

    A proposta de cooperação feita por Washington a Teerã não pode ser aceita enquanto os EUA continuarem impondo sanções contra o Irã, declarou o embaixador iraniano na ONU, Majid Takht Ravanchi.

    "Ravanchi qualificou como inacreditável a proposta norte-americana de cooperação e adicionou que enquanto os EUA seguirem apostando na hostilidade, as negociações não farão sentindo", citou a agência de notícias IRNA.

    Além disso, o embaixador observou que as sanções "incomparáveis" impostas pelos EUA contradizem o direito internacional.

    A embaixadora dos EUA na ONU, Kelly Craft, enviou ao Conselho de Segurança da ONU uma carta, onde ressaltou a disponibilidade dos EUA para negociar com o Irã sem condições prévias, para reduzir a tensão na região.

    As bandeiras nacionais dos EUA e do Irã
    © AFP 2020 / Don Emmert
    As bandeiras nacionais dos EUA e do Irã

    No dia 8 de janeiro, o Irã bombardeou instalações militares utilizadas pelos EUA no Iraque, incluindo a base de Ain Al-Asad e Arbil, em represália pelo assassinato do general iraniano, Qassem Soleimani, durante suposto ataque de drones dos EUA.

    Por sua vez, o presidente dos EUA, Donald Trump, anunciou sanções econômicas punitivas adicionais contra o país persa, enquanto sua administração avalia uma resposta ao ataque.

    Mais:

    Trump discorda: Johnson diz que acordo de 2015 é o melhor para barrar Irã com armas nucleares
    Síria expressa 'solidariedade plena' ao Irã após ataques a alvos dos EUA no Iraque
    Irã anuncia que não entregará caixas-pretas de avião Boeing aos Estados Unidos
    Tags:
    cooperação, ataques, sanções, EUA, Irã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar