19:57 10 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    302718
    Nos siga no

    O presidente Jair Bolsonaro afirmou na tarde desta sexta-feira (3) que o governo brasileiro não vai fazer nenhuma manifestação oficial a respeito da morte do general iraniano Qassem Soleimani.

    Segundo Bolsonaro, falta poder bélico ao Brasil para se meter nesses assuntos.

    "Eu não tenho o poderio bélico que o americano tem para opinar neste momento. Se tivesse, eu opinaria", afirmou, citado pelo portal G1.

    O presidente foi questionado pelos jornalistas na saída de um hospital em Brasília onde a primeira-dama Michelle Bolsonaro está internada por conta de uma cirurgia plástica.

    Bolsonaro disse que, por enquanto, o Itamaraty não vai se manifestar sobre o assunto.

    "Não, não há. Tudo fica no radar, tudo fica na mesa", disse Bolsonaro ao ser perguntado se haveria alguma sanção por parte do Brasil.

    O general Soleimani foi morto nesta quinta-feira (2) em Bagdá, no Iraque, durante um bombardeio ordenado pelo presidente dos Estados Unidos, Donald Trump.

    Mais:

    General iraniano foi morto por ordem de Trump, diz Pentágono
    Bombardeio no aeroporto de Badgá mata general iraniano, diz TV iraquiana
    Trump diz que general iraniano morto no Iraque planejava matar 'muito mais americanos'
    'Agimos para parar uma guerra, não começar uma', afirma Trump
    Tags:
    Estados Unidos, Irã, Jair Bolsonaro, Bolsonaro
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar