18:05 12 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Líder do grupo terrorista Estado Islâmico Abu Bakr al-Baghdadi. (Arquivo)

    EUA confirmam que restos mortais de líder do Daesh foram depositados no mar

    © East News / Balkis Press
    Oriente Médio e África
    URL curta
    1614
    Nos siga no

    Os restos mortais do líder do Daesh (organização terrorista proibida na Rússia e outros países), Abu Bakr al-Baghdadi, foram depositados no fundo do mar 24 horas após sua morte, segundo uma fonte militar americana.

    "Após a coleta de amostras para análises formais de DNA, os restos mortais de Baghdadi foram enterrados no mar, de acordo com as leis de conflitos armados, 24 horas após sua morte", disse nesta quarta-feira (30) o general Kenneth McKenzie, chefe do Comando Central dos Estados Unidos (Centcom). 

    O militar não informou, no entanto, em que parte do oceano isso foi feito. O líder da Al-Qaeda (organização terrorista proibida na Rússia e outros países) Osama bin Laden também teve seu corpo depositado no mar após ser morto em uma operação americana no Paquistão, em 2 de maio de 2011. 

    No domingo (27), o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, anunciou que Abu Bakr al-Baghdadi tinha sido morto em uma operação das forças especiais americanas na Síria. O republicano explicou que o líder do Daesh estava sob monitoramento do Departamento de Defesa por algum tempo, até que se deram as condições para o ofensiva. 

    Na terça-feira (29), o Pentágono informou que os EUA se livraram do corpo do líder terrorista pouco depois da confirmação de sua identidade, mas as informações sobre as provas do ataque e do seu sepultamento no mar permaneciam classificadas.

    Na ocasião, o general do Exército dos EUA Mike Milley disse que após a operação no noroeste da Síria, o corpo de al-Baghdadi tinha sido mutilado e imediatamente levado "para uma instalação segura para confirmar sua identidade por meio de testes forenses de DNA".

    Mais:

    Como um pequeno erro de al-Baghdadi quase causou a destruição do Daesh
    Ministério da Defesa da Rússia não confirma informação dos EUA sobre morte de Abu Bakr al-Baghdadi
    EUA manterão tropas na Síria para 'proteger' campos petrolíferos do acesso do Daesh
    Tesouro do Daesh é descoberto em deserto por pastores iraquianos
    Tags:
    Abu al-Baghdadi, conflito, guerra, terrorismo, Estado Islâmico, Daesh, EUA, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar