15:18 20 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Militar estadunidense vigia área em veículo blindado na Síria

    Curdos jogam tomates e pedras nos militares americanos durante saída da Síria (VÍDEO)

    © AP Photo / APTV
    Oriente Médio e África
    URL curta
    17414
    Nos siga no

    A agência de notícias curda Hawar publicou um vídeo de residentes da cidade síria de Qamishli lançando pedras e tomates no comboio de veículos militares americanos durante saída do país árabe.

    Segundo a publicação, foi assim que a população local reagiu à decisão de Donald Trump de retirar as tropas norte-americanas do nordeste da Síria, anunciada no dia 7 de outubro antes da operação turca Fonte de Paz.

    A operação turca é contra os aliados de longa data de Washington – os curdos, que consideraram a saída dos EUA uma violação dos acordos. Além dos curdos, a operação Fonte de Paz visa combater o Daesh (organização terrorista proibida na Rússia e em muitos outros países).

    Os curdos e Damasco assinaram um acordo de confronto conjunto contra os militares turcos. O presidente da Síria, Bashar Assad enviou o Exército sírio para a fronteira nordeste e passou a controlar cidades antes controladas pelos curdos.

    Suspensão da operação

    Na quinta-feira (17), foram anunciadas a suspensão de 120 horas da operação turca e a retirada dos curdos do nordeste da Síria para criação de uma zona tampão, que será controlada por turcos. No entanto, houve relatos de violações da trégua temporária.

    Soldados americanos continuam saindo das zonas fronteiriças, que passaram a ser controladas pela Polícia Militar da Rússia.

    Mais:

    Noruega defende não expulsar Turquia da OTAN por ofensiva na Síria
    Rússia afirma que não permitirá que Turquia e Síria entrem em confronto
    Erdogan revela objetivos da operação turca na Síria
    Tags:
    tropas, retirada, curdos, EUA, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar