23:19 13 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Soldado e tanque do exército Turco, próximos a cidade de Tel Abyad, na Síria, em Setembro de 2019

    Defesa turca noticia morte de militar durante confrontos com curdos na Síria

    © REUTERS / Rodi Said
    Oriente Médio e África
    URL curta
    363
    Nos siga no

    O Ministério da Defesa turco informou neste domingo (20) que um militar turco morreu e outro ficou ferido durante um confronto com forças lideradas pelos curdos perto da cidade síria de Tel Abyad.

    "Durante a missão de reconhecimento e vigilância em Tel Abyad em 20 de outubro, um de nossos companheiros de combate foi morto e outro ficou ferido como resultado do fogo aberto por terroristas do PKK/YPG [Partido dos Trabalhadores do Curdistão; Unidades de Proteção do Povo Curdo]", diz o relatório.

    Os militares turcos abriram fogo de volta e, "apesar do acordo com os EUA sobre uma zona segura, os terroristas do PKK/YPG executaram 20 ataques", refere a informação oficial.

    No dia 17 de outubro, os EUA e a Turquia concordaram em suspender a operação militar turca por 120 horas para permitir a retirada das formações curdas da zona tampão de 30 quilômetros na fronteira da Turquia com a Síria, que Ancara pretende controlar de forma independente. No entanto, houve relatos de que os combates continuaram.

    Operação militar

    Os jornais turcos noticiaram que, durante a ofensiva do Exército turco e dos seus aliados do ELS (Exército Livre da Síria) contra os curdos do YPG, cerca de 765 militantes foram "neutralizados" desde o início da operação.

    Ancara lançou sua operação Fonte de Paz no norte da Síria em 9 de outubro, em uma tentativa de expulsar de suas fronteiras as Forças Democráticas da Síria (FDS) apoiadas pelos EUA. A Turquia considera que estas são afiliadas ao PKK, proibido no país como grupo terrorista.

    Militares turcos na fronteira turco-síria
    © REUTERS / Stringer
    Militares turcos na fronteira turco-síria

    As autoridades sírias condenaram repetidamente a política de ocupação da Turquia no norte da Síria. A Rússia declarou que é necessário evitar ações que possam entravar a resolução do conflito sírio, que se arrasta desde 2011.

    Mais:

    Turquia considerará proteção síria aos curdos como 'declaração de guerra'
    Chefe do Pentágono revela para onde irão tropas estadunidenses retiradas da Síria
    Erdogan revela detalhes do acordo com EUA sobre operação turca na Síria
    Tags:
    Tel Abyad, Síria, Exército da Turquia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar