14:32 20 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Recep Tayyip Erdogan e Mike Pence

    Erdogan revela detalhes do acordo com EUA sobre operação turca na Síria

    © AP Photo / Jacquelyn Martin
    Oriente Médio e África
    URL curta
    11242
    Nos siga no

    O presidente da Turquia, Recep Tayyip Erdogan, e o vice-presidente dos EUA, Mike Pence, concordaram na quinta-feira (17) em suspender a operação turca na Síria por 120 horas para retirar as Forças de autodefesa dos curdos sírios da fronteira com a Turquia.

    O líder turco, Recep Erdogan, deu detalhes do acordo com vice-presidente norte-americano, Mike Pence, que anteriormente declarou que os acordos implicam a retirada das forças curdas da zona segura de 30 km, que fica na fronteira entre a Turquia e a Síria, e a contribuição dos Estados Unidos para o processo. De acordo com Mike Pence, tropas norte-americanas não voltarão mais para essa área.

    "O que esperávamos foi realizado ontem. As negociações com Pence resultaram na declaração conjunta de ontem composta por 13 pontos. A organização terrorista sairá da zona segura de 32 quilômetros de largura e 444 quilômetros de comprimento, do oeste ao leste, como foi decidido", detalhou Erdogan.

    Além do mais, o presidente turco pretende discutir com seu homólogo russo Vladimir Putin em Sochi em 22 de outubro a próxima fase do processo de criação de uma zona segura no nordeste da Síria.

    Operação Fonte de Paz e reação mundial

    No dia 9 de outubro, Erdogan anunciou o início da operação Fonte de Paz no nordeste da Síria contra os curdos, que Ancara considera aliados do Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK), que é considerado pelo governo turco organização terrorista, e contra o Daesh (grupo terrorista proibido na Rússia e em muitos outros países).

    O governo sírio de Bashar Assad condenou a política de ocupação da Turquia no nordeste da Síria. A Rússia afirmou que a Turquia deve evitar ações que possam dificultar a resolução do conflito sírio, presente no país árabe desde 2011.

    Mais:

    Pentágono 'pressiona' OTAN para tomar medidas contra Turquia
    Reino Unido se junta a outros países e suspende exportação de armas para a Turquia
    Forças curdas teriam destruído veículo blindado da Turquia (VÍDEO)
    Tags:
    Síria, EUA, Turquia, acordo, Mike Pence, Recep Tayyip Erdogan
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar