13:52 20 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Caça F-15C Eagle se prepara para receber combustível do KC-135 Stratotanker, 12 de maio de 2019

    Mídia: EUA fazem 'demonstração de força' a combatentes apoiados pela Turquia na Síria

    © Foto/ Senior Airman Keifer Bowes
    Oriente Médio e África
    URL curta
    91233
    Nos siga no

    Aeronaves dos EUA conduziram uma "demonstração de força" na Síria depois que combatentes apoiados pela Turquia se aproximaram das forças americanas durante a incursão turca no nordeste da Síria, comunica mídia.

    Caças F-15 e helicópteros AH-64 Apache foram usados na "demonstração de força" na terça-feira (15), depois que os combatentes pró-Turquia "violaram um acordo permanente" de não ameaçar as tropas americanas, informou uma fonte anônima dos EUA à Reuters.

    De acordo com a fonte, os militares americanos não abriram fogo, mas as aeronaves sobrevoaram a área depois que as tropas ainda estacionadas no nordeste da Síria sentiram que os combatentes estavam muito perto deles.

    Foi apresentada uma queixa formal aos militares turcos através de canais diplomáticos, acrescentou a fonte.

    Remoção das tropas americanas

    Embora as tropas americanas se tenham retirado da Síria na semana passada, alguns militares das Forças Especiais estavam aparentemente ainda na área de Ain Issa, localizada a meio caminho entre a fronteira sírio-turca e Raqqa.

    O representante especial do presidente russo para a Síria, Aleksandr Lavrentiev, chamou a incursão da Turquia em território sírio de "completamente inaceitável" e disse que Ancara não tem o direito de destacar permanentemente tropas no país além da "zona segura" estabelecida.

    Na terça-feira (15), o presidente norte-americano Donald Trump, que ameaçou impor sanções contra a Turquia após a invasão, também telefonou ao presidente turco Recep Tayyip Erdogan para exigir a suspensão da invasão e uma trégua imediata.

    Isto segue um acordo entre a Síria e as forças curdas que permitiu ao Exército sírio começar a retornar ao nordeste da Síria na segunda-feira (14).

    Caças norte-americanos F-15
    © REUTERS / Força Aérea dos EUA
    Caças norte-americanos F-15

    A ofensiva turca começou na semana passada após o anúncio de Trump sobre a remoção das tropas americanas da região, o que os críticos dizem ser o mesmo que abandonar as forças curdas, antigos aliados dos EUA, na Síria.

    A Turquia lançou a operação Fonte de Paz no dia 9 de outubro com o objetivo declarado de estabelecer uma "zona segura" no território sírio controlado pelas milícias curdas, que Ancara considera organizações terroristas.

    Mais:

    Congresso dos EUA apresenta resolução contra decisão de Trump de retirar-se da Síria
    Tropas dos EUA no norte da Síria recebem ordem de abandonar o país
    Canal de televisão americano usa VÍDEO de manobras nos EUA como sendo 'ataque turco na Síria'
    Tags:
    Turquia, combatentes, F-15, Síria, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar