21:59 13 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Combatentes curdos (imagem referencial)

    Mídia: disparos contra cidade turca de Kiziltepe vindos da Síria deixam 2 mortos e 12 feridos

    © AFP 2019 / SAFIN HAMED
    Oriente Médio e África
    URL curta
    3173
    Nos siga no

    Duas pessoas morreram e 12 ficaram feridas na cidade turca de Kiziltepe, na fronteira com a Síria, em resultado de disparos de morteiro lançados a partir da Síria pelas forças de autodefesa curdas, relata o canal NTV.

    Anteriormente o presidente turco, Recep Tayyip Erdogan, disse que 18 civis foram mortos e 147 feridos quando as forças de autodefesa curdas dispararam contra cidades fronteiriças após o início da operação militar turca na Síria.

    Segundo o canal de televisão, no dia 15 de outubro disparos de morteiro, alegadamente realizados pelas forças de autodefesa curdas, deixaram novas vítimas civis.

    Em 9 de outubro, Erdogan anunciou o lançamento da operação Fonte de Paz no nordeste da Síria contra o banido na Turquia Partido dos Trabalhadores do Curdistão e o Daesh (grupo terrorista proibido na Rússia e vários outros países).

    No mesmo dia, a Força Aérea turca atacou a cidade de Ras el-Ain e várias outras cidades sírias na fronteira entre os dois países. Mais tarde, foi anunciado que a parte terrestre da operação tinha começado.

    Operação turca na Síria

    A ação militar visa expulsar as formações lideradas pelos curdos, incluindo as Forças Democráticas Sírias (FDS) e as YPG (Unidades de Proteção Popular), que dominam o nordeste da Síria.

    Os Estados Unidos, principal aliado das milícias curdas na Síria, se recusaram a apoiar a intervenção da Turquia e retiraram suas forças da zona de combates.

    Outras nações ocidentais, como a Alemanha e a França, já suspenderam as exportações de armas para a Turquia.

    Mais:

    Turquia poderia ter bombardeado intencionalmente militares dos EUA na Síria, diz jornal
    Curdos fazem acordo com governo da Síria para combater operação da Turquia
    Trump anuncia sanções contra Turquia e diz que Síria deve proteger os curdos
    Tags:
    vítimas, curdos, morteiros, disparos, Turquia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar