06:19 18 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Militantes de Daesh

    Forças de autodefesa curdas teriam libertado terroristas da prisão no norte da Síria

    © AP Photo / Karim Kadim
    Oriente Médio e África
    URL curta
    5128
    Nos siga no

    Alto responsável do governo da Turquia disse aos repórteres nesta segunda-feira (14) que as forças curdas libertaram deliberadamente prisioneiros do Daesh (grupo terrorista proibido na Rússia e vários outros países) detidos em uma prisão na cidade fronteiriça síria.

    Segundo informou o representante do governo turco, os combatentes das formações curdas banidas na Turquia, Partido dos Trabalhadores do Curdistão (PKK) e Unidades de Proteção Popular (YPG), libertaram terroristas do Daesh de uma prisão em Tel Abyad.

    "As forças turcas invadiram hoje uma prisão em Tel Abyad esperando tomar sob custódia os terroristas do Daesh ali detidos. Antes de elas lá chegarem, os terroristas do PKK/YPG curdos libertaram os militantes do Daesh em uma tentativa de alimentar o caos na área", disse o alto responsável.

    "A análise do local mostrou que os prisioneiros não arrombaram as portas. Os guardas parecem ter libertado os combatentes perigosos do Daesh, tal como haviam ameaçado fazer anteriormente", adicionou a fonte.

    Operação no nordeste da Síria

    O presidente turco, Tayyip Erdogan, anunciou em 9 de outubro o início da operação turca no nordeste da Síria contra o PKK e o Daesh. No mesmo dia, a Força Aérea turca atacou a cidade de Ras al-Ain e várias outras cidades sírias na fronteira entre os dois países.

    Mais tarde, foi anunciada a parte terrestre da operação. No sábado, 12 de outubro, o Ministério da Defesa turco informou que os militares turcos e a oposição armada síria tinham assumido o controlo de Ras al-Ain, e no domingo (13) foi anunciado que tinham assumido o controlo da cidade de Tel Abyad.

    Administração Autônoma curda do nordeste da Síria já anunciou oficialmente no domingo que tinha chegado a um acordo com as autoridades oficiais sírias para posicionamento do Exército sírio ao longo de toda a fronteira sírio-turca a fim de ajudar a repelir o ataque do Exército turco e dos grupos pró-turcos.

    Mais:

    Síria move suas tropas para enfrentar ofensiva da Turquia, diz imprensa local
    Turquia condena declaração da Liga Árabe sobre a operação na Síria
    Alemanha suspende fornecimento de armas à Turquia por operação turca na Síria
    Tags:
    libertação, terroristas, prisão, Daesh, curdos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar