08:04 06 Dezembro 2019
Ouvir Rádio
    Bandeira nacional do Irã

    Irã acusa Israel de violar direito internacional ao atacar o sul do Líbano

    © REUTERS / Morteza Nikoubazl
    Oriente Médio e África
    URL curta
    8257
    Nos siga no

    O porta-voz do Ministério das Relações Exteriores do Irã, Abbas Mousavi, acredita que Israel violou o direito internacional ao bombardear o sul do Líbano neste domingo (1º).

    "O bombardeio da parte sul do Líbano pelo regime que ocupa a Palestina [...] é uma violação aberta da soberania e integridade territorial de um país membro independente da ONU", diz a declaração de Abbas Mousavi.

    Ele acrescentou que esse atentado, bem como as ações de Israel contra o Líbano na semana passada, representa uma ameaça à paz e à segurança internacionais e que, para o Irã, é uma violação do direito internacional.

    Israel disparou mísseis contra vários alvos no sul do Líbano, depois que o movimento do Hezbollah destruiu um veículo blindado israelense na área de fronteira.

    O Hezbollah disse que o ataque foi uma resposta a um ataque aéreo de drones lançado pelo Exército de Israel (IDF) na noite de sábado (31), que matou integrantes do Hezbollah e um miliciano iraniano.

    Mais:

    Líder do Hezbollah acusa governo de Israel de procurar pretexto para ataque
    Liga Árabe: Israel persegue interesses eleitorais alimentando tensão na fronteira com Líbano
    ONU pede 'contenção máxima' a Israel e Líbano após troca de ataques
    Teerã confirma explosão de foguete espacial
    Tags:
    Oriente Médio, Líbano, Israel, Irã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar