14:25 18 Junho 2019
Ouvir Rádio
    Secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo

    Pompeo diz que é 'bem possível' que Irã esteja por trás de ataques a oleoduto saudita

    © AP Photo / Sait Serkan Gurbuz
    Oriente Médio e África
    URL curta
    1306

    O secretário de Estado dos EUA, Mike Pompeo, disse que é "bem possível" que a Guarda Revolucionária do Irã tenha sido responsável por ataques recentes contra embarcações no Golfo Pérsico e oleodutos da Arábia Saudita.

    Perguntado se acreditava que os militares iranianos estavam por trás dos ataques, Pompeo disse: "Não chegamos a uma conclusão definitiva sobre a qual possamos falar publicamente, mas considerando todos os conflitos regionais que vimos na última década e a forma desses ataques, parece que é bem possível que o Irã esteja por trás disso".

    Pompeo disse que os Estados Unidos continuariam a tomar medidas para proteger os interesses norte-americanos e dissuadir o que chamou de "mau comportamento do Irã na região". Ele também alertou que as ações do Irã carregam o risco de aumentar as tensões ou desestabilizar os preços do petróleo, um desenvolvimento que, segundo ele, o Irã consideraria "vantajoso".

    No início deste mês, dois petroleiros sauditas, além de outros dois outros navios, foram alvos de ataques misteriosos na zona econômica exclusiva dos Emirados Árabes Unidos. Nenhuma vítima ou dano ambiental foi relatado após o incidente. Além dos ataques às embarcações, os rebeldes iemenitas do Houthi realizaram ataques de drones contra um oleoduto saudita, causando incêndios e pequenos danos.

    Ninguém assumiu a responsabilidade pelo ataque aos petroleiros ainda, mas os Estados Unidos, que aumentaram sua presença militar no Golfo Pérsico em meio ao aumento das tensões com Teerã, supostamente podem acreditar que o Irã poderia ter orquestrado a sabotagem.

    Mais:

    Trump: Irã enfrentará 'grande força' em caso de agressão contra EUA
    Evo: ameaças dos EUA ao Irã encorajam a indústria da guerra
    UE adverte contra provocações na região do Oriente Médio após Trump prometer 'fim do Irã'
    Tabloide expõe rumo naval britânico igual ao dos EUA contra Irã
    Tags:
    tensão diplomática, ataques, Irã, Houthis, Mike Pompeo, Golfo Pérsico, Teerã, Emirados Árabes Unidos, Estados Unidos, Irã, EUA
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar