17:55 19 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    Soldado israelense sobre um tanque perto da fronteira com a Faixa de Gaza

    Netanyahu declara prontidão das tropas israelenses para agir na Faixa de Gaza (VÍDEO)

    © REUTERS / Amir Cohen
    Oriente Médio e África
    URL curta
    113
    Nos siga no

    Tropas israelenses se manterão perto da fronteira palestina da Faixa de Gaza por tempo indeterminado, prontas para realizar uma "operação extensiva" se necessário, afirmou o primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu.

    O líder israelense comentou o caso no domingo (31) durante encontro com o presidente do Brasil, Jair Bolsonaro, que visitou o país em um "período tenso", como citado por Netanyahu.

    "Senhor presidente, você veio a Israel durante um período tenso, foi por isso que instruí às Forças de Defesa de Israel (FDI) para permanecerem em alto alerta ao redor da Faixa de Gaza. Isso inclui artilharia, infantaria e forças terrestres e aéreas. Estamos prontos para qualquer cenário", declarou Netanyahu.

    A tensão continua alta em torno da Faixa de Gaza, além disso, parece que o atrito está aumentando cada vez mais com a proximidade das eleições em Israel.

    Netanyahu, que está há 12 anos no poder, enfrenta grande desafio desta vez contra o ex-chefe das Forças de Defesa israelense, Benny Gantz, e o rival, Yair Lapid.

    Anteriormente, as tropas israelenses foram enviadas para perto da fronteira da Faixa de Gaza em resposta ao disparo de um míssil, que atingiu uma casa ao norte de Tel Aviv, ferindo sete pessoas, incluindo duas crianças. O disparo teria sido supostamente disparado pelo movimento Hamas.

    Recentemente, Israel lançou ataque massivo na Faixa de Gaza, atingindo aproximadamente 100 alvos "ligados ao Hamas".

    Mais:

    Sirenes de alerta soam no sul de Israel enquanto as tensões com Faixa de Gaza aumentam
    Israel teria usado caças americanos F-35 no ataque a Aleppo, reporta imprensa
    Foguetes são lançados de Gaza contra Israel
    Tags:
    tensão, forças armadas, fronteira, tropas, Benjamin Netanyahu, Faixa de Gaza, Israel
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar