02:30 13 Novembro 2019
Ouvir Rádio
    As bandeiras nacionais dos EUA e do Irã

    EUA impõem novas sanções contra Irã

    © AP Photo / Carlos Barria
    Oriente Médio e África
    URL curta
    11110
    Nos siga no

    Os Estados Unidos sancionaram 31 pessoas e entidades por causa da suposta proliferação de armas de destruição em massa do Irã. A informação foi diculgada nesta sexta-feira (22) por funcionário de alto escalão da administração norte-americana.

    "Hoje o Departamento do Tesouro e o Departamento de Estado estão anunciando que estamos designando 14 indivíduos e 17 entidades sob sanções contra os proliferadores de armas de destruição em massa e seus apoiadores", disse a fonte. 

    "Essas 31 entidades estão ligadas à Organização para a Inovação e Pesquisa de Defesa do Irã", acrescentou. 

    Washington impôs sanções a Teerã depois que o presidente dos Estados Unidos, Donald Trump, decidiu em maio abandonar o acordo nuclear de 2015 com o Irã. A decisão de Trump de desistir do acordo — que foi negociado com outras cinco potências mundiais — tem dificultado as relações entre Washington e seus aliados europeus, que agora estão tentando evitar as sanções impostas pelos Estados Unidos.

    Em fevereiro, a Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA) informou que, apesar da retirada dos EUA do acordo de 2015, o Irã ainda estava em total conformidade com seus compromissos com a não-proliferação.

    Mais:

    Presidente do Irã desafiará os EUA em tribunais internacionais contra sanções
    Teerã: EUA sofrerão 'derrota mais pesada na sua história' se Irã mobilizar seus recursos
    Netanyahu ameaça mobilizar Marinha israelense para evitar que Irã contorne sanções dos EUA
    Irã está em guerra econômica e psicológica com os EUA, afirma Rouhani
    Tags:
    armas de destruição em massa, sanções, Agência Internacional de Energia Atômica (AIEA), eua, Irã
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar