00:14 22 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Membros das Forças Especiais dos EUA realizando treinamento durante operações contra grupo Daesh no sul da Síria

    Trump: último reduto do Daesh na Síria será liberado 'hoje à noite'

    CC0 / Staff Sgt. Jacob Connor / 5th Special Forces Group (Airborne)
    Oriente Médio e África
    URL curta
    531

    As Forças Democráticas Sírias (FDS), apoiadas pelos Estados Unidos, vêm tentando desde fevereiro romper as posições defensivas do Daesh em Baghuz, uma pequena cidade no rio Eufrates, nas proximidades da fronteira síria com o Iraque, considerada por Washington e seus aliados como o último reduto dos terroristas na Síria.

    O presidente dos EUA, Donald Trump, ao comentar o sucesso da operação das FDS para liberar a última fortaleza dos militantes do Daesh na Síria, afirmou que havia um último "pequeno bolso" de militantes, que seriam limpo "hoje à noite".

    Para provar seu ponto, o presidente americano apresentou dois mapas mostrando territórios no Oriente Médio, onde os terroristas estavam presentes: um de 2017 e um atual.

    "Este é um mapa de tudo em vermelho. Isso foi na noite da eleição em 2016. Tudo vermelho é o ISIS [Daesh]. Quando eu assumi, era uma bagunça", disse Trump, demonstrando o mapa do território controlado pelo Daesh. "Agora, [o mapa] é exatamente o mesmo, mas não há vermelho. De fato existe na verdade um ponto minúsculo, que terá desaparecido esta noite".

    Desde Fevereiro, as FDS curdas, apoiadas pelos EUA, tem atacado os terroristas na cidade síria de Baghuz, depois da retirada de todos os civis da área sitiada. A coalizão liderada pelos EUA vem realizando apoio aéreo para a operação com ataques, que supostamente resultaram em baixas civis.

    A coalizão, por sua vez, negou esses relatos por falta de evidências.

    Mais:

    'Presença do Daesh no Afeganistão é ameaça para segurança da Rússia', diz embaixador russo
    Mortos e feridos em ataque do Daesh contra milícia Iraquiana
    Parlamentar iraquiano acusa EUA de protegerem líder do Daesh
    Por que é tão difícil acabar completamente com o Daesh na Síria?
    Cantada do Daesh: militar dos EUA diz ser agente da CIA para conquistar mulher
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar