08:39 21 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Fumaça se levanta na província síria de Deir ez-Zor após ataques aéreos da coalizão internacional liderada pelos EUA

    Pelo menos 4 mortos e 36 civis feridos após explosão em Deir ez-Zor

    © REUTERS/ Rodi Said
    Oriente Médio e África
    URL curta
    201
    Nos siga no

    Segundo a agência de notícias estatal síria SANA, uma mina instalada por militantes do Daesh explodiu neste sábado na província de Deir ez-Zor.

    Quatro moradores locais foram mortos e outras 36 pessoas ficaram feridas durante o incidente, informou SANA.

    Apesar do conflito armado na Síria parecer estar chegando ao fim, o país ainda vive violentos confrontos e luta contra a presença de grupos rebeldes e terroristas. As unidades de engenharia dos militares sírios realizam operações regulares para limpar as regiões afetadas de minas e outros tipos de dispositivos explosivos deixados para trás por organizações terroristas.

    Um incidente similar ocorreu no final de fevereiro, depois que uma mina plantada por militantes do Daesh em Shoula explodiu perto de um veículo. A explosão matou uma pessoa e feriu 10.

    De acordo com dados das Nações Unidas divulgados em janeiro, o grupo terrorista Daesh continua a controlar partes de Deir ez-Zor no vale do rio Eufrates, onde alguns civis permanecem presos em meio a contínuos ataques aéreos.

    As avaliações da ONU sobre a Síria continuam a lançar dúvidas sobre uma declaração do presidente dos EUA, Donald Trump, feita em dezembro de 2018, sobre Daesh ter sido derrotado.

    Mais:

    Ataque da coalizão internacional deixa 3 civis mortos em Deir ez-Zor, relata mídia
    Número de mortos durante ataque aéreo da coalizão contra Deir ez-Zor sobe para 31
    Coalizão liderada pelos EUA teria atacado civis em Deir ez-Zor usando fósforo branco
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar