23:33 18 Abril 2019
Ouvir Rádio
    O sistema da defesa antiaérea S-400 (foto de arquivo)

    Parlamentar turco: Turquia não vai reagir às ameaças dos EUA pela compra do S-400

    © Sputnik / Dmitry Vinogradov
    Oriente Médio e África
    URL curta
    660

    As ameaças de Washington a Ancara pela compra de sistemas russos de defesa antiaérea S-400 são insensatas e não obterão resultados, declarou Omer Celik, porta-voz do governista Partido da Justiça e Desenvolvimento da Turquia.

    De acordo com Celik, os EUA declaram coisas imprudentes sobre os complexos S-400 e ameaçam "reconsiderar a participação da Turquia no programa de F-35".

    "Isso já irrompeu limites da razão. Retórica assim não dará nenhum resultado. Quaisquer problemas entre os aliados devem ser resolvidos através do diálogo. Não vamos reagir a ameaças", afirmou Celik a repórteres.

    Ele acrescentou que as ameaças dos EUA de sancionar Turquia é uma retórica incorreta e indigna dos aliados da OTAN. Segundo ele, os S-400 fornecidos à Turquia não serão vendidos a países terceiros.

    O contrato de concessão de crédito para o fornecimento dos sistemas russos de defesa antiaérea S-400 à Turquia foi assinado em dezembro de 2017 em Ancara. Como afirmou o chefe da estatal russa Rostec, Sergei Chemezov, trata-se do fornecimento de quatro divisões de S-400 no valor de 2,5 bilhões de dólares. O ministro da Defesa da Turquia, Hulusi Akar, afirmou que os sistemas S-400 serão instalados em outubro de 2019.

    Os EUA passaram meses fazendo lobby para que a Turquia abandonasse o acordo de compra dos S-400 com a Rússia. No mês passado, o Departamento de Estado aprovou a venda de sistemas de mísseis Patriot ao país, no valor de US$ 3,5 bilhões. Ancara respondeu dizendo que consideraria os Patriot, mas que isso não afetaria o contrato para compra dos S-400.

    As autoridades dos EUA caracterizaram a possível instalação de S-400 em áreas onde caças F-35 estão programados a operar como "ameaça", presumivelmente porque o sistema permitiria que a Turquia testasse as capacidades dos sistemas furtivos dos F-35 quando comparados ao sistema de defesa antiaérea russo.

    Mais:

    Turquia ainda quer o sistema russo S-400, apesar da oferta rival dos EUA
    Mídia afirma que Pentágono alerta Turquia com 'graves consequências' pela compra de S-400
    Turquia comprará mísseis russos S-400 não obstante acordo com EUA sobre os Patriot
    Tags:
    reação, ameaça, S-400, Rússia, EUA, Turquia
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar