11:10 15 Setembro 2019
Ouvir Rádio
    Líder do Hezbollah, Hassan Nasrallah

    Hezbollah diz que Trump é 'hipócrita' sobre papel dos EUA na luta contra o Daesh

    © AFP 2019 / Anwar Amro
    Oriente Médio e África
    URL curta
    0 82
    Nos siga no

    O líder do grupo Hezbollah criticou o presidente dos EUA, Donald Trump, antes de sua esperada declaração de vitória contra o grupo terrorista Daesh na Síria.

    Hassan Nasrallah disse neste sábado (16) que, não fossem os EUA, as forças do governo sírio, apoiadas por combatentes do Hezbollah, teriam derrotado os extremistas há muito tempo.

    As forças sírias recuperaram do Daesh todas as áreas a Oeste do rio Eufrates até o fim de 2017, enquanto que no lado Leste, é esperado que os combatentes curdos apoiados pelos EUA encerrem sua batalha contra o grupo extremista nos próximos dias.

    Nasrallah disse que a declaração de vitória contra o Daesh será feita pelo "maior hipócrita do mundo, o presidente americano Donald Trump".

    Um comandante das forças curdas em combate ao Daesh disse que está se aproximando do último reduto de terroristas do grupo extremista em uma pequena área de menos de um quilômetro quadrado no leste da Síria e em breve poderia declarar vitória.

    Ontem, Trump afirmou que a Casa Branca faria um anúncio sobre a luta contra o Daesh até o fim deste sábado. 

    Mais:

    Ex-diretor da campanha de Trump pode ser condenado a 24 anos de prisão
    Trump diz que premiê japonês o indicou ao Prêmio Nobel da Paz
    Líderes democratas: declaração de emergência nacional de Trump é ilegal
    Maduro revela desejo de encontro com Trump para resolver crise na Venezuela
    Trump irá declarar emergência nacional para construir muro, diz Casa Branca
    Tags:
    Daesh, Hezbollah, Hassan Nasrallah, Estados Unidos
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar