02:37 22 Julho 2019
Ouvir Rádio
    Veículo militar com as bandeiras da Síria e do Hezbollah

    Hezbollah diz poder retaliar contra Israel em caso de novos ataques aéreos contra Síria

    © REUTERS / Omar Sanadiki
    Oriente Médio e África
    URL curta
    16177

    O movimento xiita Hezbollah sediado no Líbano não descartou adotar medidas de retaliação em caso de novo ataque aéreo de Israel contra o território sírio, afirmou o secretário-geral do movimento, Hassan Nasrallah.

    O líder do Hezbollah declarou que o movimento, o Irã e a Síria – membros da aliança anti-israelense Eixo da Resistência – poderiam responder à agressão de Tel Aviv, sublinhando que suas capacidades não devem ser subestimadas.

    "Existe a possibilidade de que tomemos uma decisão sobre várias medidas de resposta à agressão israelense, porque o que aconteceu na última vez [na Síria] foi muito perigoso", disse Nasrallah no sábado (26) à emissora libanesa Al-Mayadeen.

    Nos últimos dias Israel realizou três ataques aéreos contra alegados alvos iranianos na Síria. Pelo menos quatro militares sírios foram mortos e outros seis ficaram feridos nos ataques aéreos.

    O Hezbollah tem apoiado o governo sírio em sua luta contra grupos terroristas desde 2012 a pedido de Damasco. Nasrallah afirmou repetidamente que as tropas do Hezbollah estão prontas para deixar a Síria imediatamente depois de o governo sírio lhes pedir para fazê-lo.

    Mais:

    Parlamentar iraniano: S-300 da Síria estavam 'inativos' enquanto Israel lançava mísseis
    Rússia diz que ataques aéreos israelenses na Síria devem ser interrompidos
    Moscou: EUA não adotaram medidas concretas para retirar tropas da Síria
    Síria diz que pode responder Israel com ataque ao aeroporto de Tel Aviv
    Tags:
    retaliação, ataque aéreo, Hezbollah, Israel, Líbano, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar no FacebookComentar na Sputnik
    • Comentar