22:47 14 Agosto 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    6211
    Nos siga no

    O primeiro-ministro israelense, Benjamin Netanyahu, não permitirá a entrega de US$ 15 milhões que o Qatar quer enviar à Faixa de Gaza para aliviar a grave situação humanitária no território palestino. A informação veio de uma fonte próxima a Netanyahu e foi publicada pelo jornal "The Times of Israel".

    "Após os recentes acontecimentos na Faixa de Gaza e após consultas com os serviços de segurança, o primeiro-ministro Netanyahu decidiu não permitir a transferência de fundos do Qatar para a Faixa de Gaza", disse a fonte.

    A injeção de dinheiro em Gaza tem como objetivo estabilizar o governo do Hamas, que controla o território desde 2007, e impedir a deterioração da situação humanitária.

    A situação se complicou depois de um ataque israelense a uma posição do Hamas em Gaza, que matou um palestino na segunda-feira (21) e feriu outros dois.

    O Exército israelense disse em comunicado que bombardeou um posto de observação do Hamas perto da fronteira entre Gaza e Israel depois que um soldado israelense ficou levemente ferido.

    De acordo com meios de comunicação israelenses, o soldado foi ferido por um franco-atirador palestino, mas outras versões indicam que ele foi ferido por uma pedra. O Exército israelense não confirmou nenhuma das versões e alegou que estava investigando os fatos.

    Mais:

    Imprensa revela qual será o plano de Trump para estabelecer a paz na Palestina
    Palestina barra importações agrícolas de Israel em resposta a medidas israelenses
    Turquia continuará apoiando a Palestina, diz Erdogan a Abbas em conversa sobre Jerusalém
    De saída, embaixadora dos EUA diz que plano de paz de Trump é 'melhor para Palestina'
    Exército israelense bloqueia cidade palestina de Ramalah
    Tags:
    Qatar, Palestina, Israel
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar