07:09 27 Maio 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    609
    Nos siga no

    A coalizão liderada pelos EUA realizou ataque aéreo na província síria de Deir ez-Zor.

    Damasco frequentemente acusa a coalizão liderada pelos EUA de deixar diversos civis feridos durante ataques aéreos.

    A televisão síria reportou a morte de ao menos 20 civis na província de Deir ez-Zor após um ataque aéreo realizado pela coalizão internacional liderada pelos EUA.

    "Aproximadamente 20 civis foram mortos, muitos outros ficaram feridos, incluindo mulheres e crianças, como resultado de um ataque aéreo realizado pela coalizão Internacional na aldeia de Baghuz Tahtani, ao leste da província de Deir ez-Zor", segundo testemunho de cidadãos locais ao canal de televisão Ikhbariya.

    A coalizão frequentemente realiza ataques aéreos na província de Deir ez-Zor sob o pretexto de ajudar as Forças Democráticas da Síria (SDF) no combate contra o Daesh (grupo terrorista proibido na Rússia e em outros países).

    Anteriormente, as autoridades sírias acionaram as Nações Unidas para deter a presença ilegal da coalizão liderada pelos EUA no país.

    Segundo a mídia, recentemente, a coalizão lançou bombas de fragmentação em alvos do país árabe. Contudo, as autoridades americanas insistiram que seus ataques aéreos na Síria estavam de acordo com as leis do confronto armado.

    Os EUA e seus aliados lutam contra os terroristas do Daesh na Síria e Iraque desde 2014, entretanto, estão realizando operações na Síria sem a aprovação do governo legítimo.

    Mais:

    Iraque: centro antiterrorista conjunto com Rússia, Síria e Irã garante segurança global
    Tropas iraquianas blindam fronteiras perante saída dos EUA da Síria
    'Esta não é uma luta dos EUA': forças americanas precisam deixar a Síria, diz repórter
    Tags:
    coalizão internacional, ataque aéreo, civis, mortes, ataque, Síria
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar