00:06 21 Outubro 2020
Ouvir Rádio
    Oriente Médio e África
    URL curta
    603
    Nos siga no

    Um tiroteio próximo de Giv'at Asaf deixou dois soldados israelenses mortos e outras duas pessoas baleadas, em uma semana de elevada tensão entre israelenses e manifestantes palestinos.

    No vídeo é possível ver o momento em que as Forças de Defesa de Israel fazem com que os manifestantes palestinos deixem a área próxima do Escritório de Coordenação Distrital da Administração Civil israelense na Cisjordânia.

    Cenas registram como as Forças de Defesa de Israel afastam os manifestantes palestinos da área próxima do Escritório de Coordenação Distrital; gás lacrimogênio foi lançado, enquanto que uma escavadeira apagou o fogo do local.

    Em resposta ao tiroteio desta quinta-feira, 13, o Exército israelense realizou operações na capital palestina, Ramalah, em uma tentativa de encontrar o responsável pelos ataques, que ainda não foi encontrado.

    Segundo o Ministério da Saúde da Palestina, um palestino do campo de refugiados de Jalazone, em Ramalah, morreu devido aos diversos ferimentos sofridos durante confronto com os militares israelenses.

    Mais:

    Exército israelense bloqueia cidade palestina de Ramalah
    'Jerusalém para ambos': chefe da ONU pede solução de 2 Estados para Israel e Palestina
    'Não vejo solução para este conflito': analista comenta confronto entre Israel e Palestina
    Tags:
    gás lacrimogêneo, protestantes, militares, protesto, tropas, Cisjordânia, Palestina, Israel
    Padrões da comunidadeDiscussão
    Comentar na SputnikComentar no Facebook
    • Comentar